Ozymandias
Não importa a grandeza ou prepotência, tudo há de se tornar ruínas.
Ozymandias
Status: Encerrado
Criado: 21/08/16 06:04
Atualizado: 05/10/16 22:29
Data para Participação: De 21/08/16 até 20/09/16
Participantes Inscritos: 10
Textos Enviados: 8
Ozymandias Não importa a grandeza ou prepotência, tudo há de se tornar ruínas.

"Shelley utiliza a imagem de uma estátua de Ozymandias (apelido grego do faraó Ramsés II) para descrever temas como a arrogância, a transitoriedade do poder, a permanência da arte e a relação entre artista e sua obra."

Artigo da Wikipédia sobre Ozymandias (soneto de Shelley)

[ INTRODUÇÃO E TEMA ]

Ozymandias é o nome de um soneto feito pelo poeta Percy Bysshe Shelley em 1818. O poema já recebeu várias análises e trabalha muitos temas diferentes, e este concurso é um convite para que os acadêmicos o leiam e façam textos inspirados por sua mensagem.

Segue uma das traduções do texto:

Citação de @Ozymandias

Eu encontrei um viajante de uma terra antiga

Que disse:—Duas gigantescas pernas de pedra sem torso

Erguem-se no deserto. Perto delas na areia,

Meio afundada, jaz um rosto partido, cuja expressão

E lábios franzidos e escárnio de frieza no comando

Dizem que seu escultor bem aquelas paixões leu

Que ainda sobrevivem, estampadas nessas partes sem vida,

A mão que os zombava e o coração que os alimentava.

E no pedestal estas palavras aparecem:

"Meu nome é Ozymandias, rei dos reis:

Contemplem minhas obras, ó poderosos, e desesperai-vos!"

Nada resta: junto à decadência

Das ruínas colossais, ilimitadas e nuas

As areias solitárias e inacabáveis estendem-se à distância.

Como podem ver, o poema menciona uma grande civilização liderada por um forte, temido e arrogante faraó, "rei dos reis". Entretanto, no tempo em que o "viajante de uma terra antiga" encontra os resquícios de tal civilização, nada mais se vê além de ruínas decadentes, estátuas quebradas, um mar de areia e as palavras no pedestal, que duraram mais que o imponente rei.

Não importa o quão poderoso fosse o tal Ozymandias, isso não impediu que tudo o que ele exibia com pretensão virasse lixo, restos, nada, ao longo dos anos. Não importa o quão bom um momento seja, ele há de acabar um dia. Não importa o quanto nos gabamos de nossos feitos, todos estamos fadados a morrer um dia. E tudo que restará (se restar alguma coisa), serão poucas palavras falando sobre aquilo que já não existe mais.

Parece um tanto pessimista, mas a ideia é que o tema possa ser levado para vários lados diferentes... A história de alguém que teve muito e perdeu tudo se encaixaria neste concurso, assim como um simples poema que celebrasse a alegria hedonista de tirar o máximo do presente enquanto o temos, já que tudo acabará no futuro de qualquer forma. O fim de um relacionamento, amoroso ou não, ou até um texto que trabalhe a ideia de que a obra é maior e mais importante que seu criador, também se encaixariam.

Existem várias maneiras diferentes de se interpretar o poema, e várias maneiras de escrever textos que trabalhem suas ideias, por isso queremos que os participantes se inspirem com ele, mas busquem maneiras criativas de explorar o tema.

[ REGRAS ]

Todos os textos inscritos no concurso devem:

– Estar de acordo com as regras de postagem do site;

– Ser escritos individualmente e sem o envolvimento de outras pessoas além do participante;

– Possuir entre 100 e 1500 palavras em apenas um capítulo, de acordo com o contador oficial do site;

– Serem marcados como "Conto ou Crônica", "Lírico" ou "Roteiro (Cena)" no tipo de texto;

– Implementar o tema proposto, de acordo com a avaliação dos jurados;

OBS: Apesar da liberdade, seu texto ainda precisa ter algum tipo de conexão clara com o poema Ozymandias ou com uma interpretação do mesmo. Caso contrário, ele pode ser desqualificado.

[ CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO ]

Os textos serão avaliados dentro dos seguintes critérios:

- Português (Peso 3) - ortografia e gramática do texto;

- Enredo e Coesão (Peso 3) - qualidade da história, facilidade de leitura, e coerência geral do texto;

- Criatividade e Originalidade (Peso 3) - trabalho do tema de uma maneira interessante, envolvente e inesperada;

- Gosto Pessoal (Peso 1) - pontos finais dados aos textos que mais surpreenderem os jurados.

[ JURADOS ]

Os jurados do concurso são:

Daniel Lima;

Joice Paz;

LEcrivain.

[ INSCRIÇÃO ]

Para inscrever-se no concurso, basta ter uma conta na Academia de Contos, clicar no botão de inscrever-se na coluna direita desta página, e publicar um texto dentro do prazo.

Durante a postagem do texto, você deverá selecionar o concurso nas opções de postagem.

Boa sorte a todos!

[ PRAZOS ]

Para a publicação dos textos: 21 de Agosto a 20 de Setembro de 2016.

Para a publicação dos resultados: 05 de Outubro de 2016.

[ PREMIAÇÃO ]

Os três textos com maiores notas na classificação geral receberão os seguintes prêmios:

– Primeiro lugar: o autor do texto com a maior nota terá seu texto destacado por duas semanas na Home do site, receberá como prêmio um set (icon, capa do perfil e assinatura) e uma medalha de primeiro lugar que será exibido em Conquistas no perfil do usuário;

– Segundo lugar: o autor do texto com a segunda maior nota receberá como prêmio um set (icon, capa do perfil e assinatura) e uma medalha de segundo lugar que será exibido em Conquistas no perfil do usuário;

– Terceiro lugar: o autor do texto com a terceira maior nota receberá como prêmio uma uma medalha de terceiro lugar que será exibido em Conquistas no perfil do usuário;

[ RESULTADO ]

Olá a todos, e obrigado por terem participado do Concurso Ozymandias. Todos os textos inscritos no concurso tiveram um excelente nível de português e qualidade/estrutura do enredo, e foi possível ver várias interpretações diferentes do tema proposto. A amargura da perda, o drama de chegar ao fim, seja da vida ou de um relacionamento, se mostrou presente na maioria dos textos, e alguns se destacaram por implementá-lo de maneiras um tanto inusitadas.

Por hoje, dia 5 de Outubro, que é o prazo para dar os resultados, estamos postando apenas a qualificação geral dos textos, junto das medalhas/troféus. Durante a próxima semana, nós jurados iremos informar todos os participantes sobre nossas opiniões sobre seus textos, para que tenham um feedback sobre seu desempenho. Alguns comentários serão dados por mensagem pessoal, e outros podem aparecer nos próprios textos, dependendo da preferência do jurado.

Não se surpreendam caso vocês recebam resenhas bem diferentes sobre suas obras. Algo interessante neste concurso foi como jurados diferentes foram impressionados por textos diferentes. Um dos meus textos favoritos, por exemplo, acabou não ficando no pódio ao agregar as notas, e a minha opinião sobre o mesmo foi um tanto diferente dos demais jurados.

No geral, todos apreciamos bastante ler os textos presentes aqui, e agradecemos muito a participação de vocês! :)

Obrigado e até mais.

Concurso Encerrado
[Resultados]
9º Lugar
Feita de traços grossos e ossos por Conta abandonada Sobre mágoas e sentimentos de personagens de papel.
8º Lugar
Eternize-se por Aye Blackcrow "A Escola Positivista afirma que só são considerados documentos oficiais os escritos. É inegável que o ato de escrever tem um papel fundamental na História: é essa ferramenta que cria o registro, que faz com que possamos estudar nosso passado."
7º Lugar
Veja-nos por Julih Você pode até ter medo do futuro, mas ninguém vai esquecer o amor que eu tinha por você.
6º Lugar
Imortal por Yvi Por mais que digam que feridas se curam, As cicatrizes sempre permanecem.
5º Lugar
Lembrei da Alzheimer na praia. por Lirismo Defeituoso Suas memórias a Alzheimer lançou por terra e as minhas me trouxeram a essa praia.
4º Lugar
Epílogo por Gustavo O uivo do vento quente e desértico era o único som que era ouvido naquele lugar. A imensidão do nada era tudo o que podia ser visto além daquelas ruínas enterradas e se desfazendo lentamente conforme o tempo passa.
3º Lugar
5 minutes por Sorelly Esse foi e sempre será o começo de tudo e para todos: o tempo. Em míseros segundos você pode construir uma barreira que impele todos de entrar; uma realidade distorcida de tudo aquilo quis deixar. Esse foi o preço a ser pago: seu crime foi amá-la e ter ido tão longe por essa paixão, seu único castigo foi perdê-la e deixá-la com um partido coração.
2º Lugar
Sistema amor ter sido por Giordano Um sistema é dito amortecido quando, por ação de alguma barreira física ou impedimento, ocorre um decaimento no mesmo levando-o a perder suas características iniciais, ou seja, desqualificando-se até que, a partir de um tempo passado, não mais descreve o que quer que fosse.
1º Lugar
da sombra ao pó, prazer e júbilo por Tháiza Lima sua existência perpetuará durante séculos, mas, infelizmente, a vida do autor não é tão valorizada quanto a obra.
Comentários (9)
Francisco
Postado 21/08/16 18:53

Que baita concurso. Quero ver avaliar as grandiosas obras que teremos!

Julih
Postado 19/09/16 23:33

Estou bem ansiosa, pena que o resultado vai sair láááá adiante. Chorei :(

*ward*

Francisco
Postado 20/09/16 19:31

Hehehe. Setembro tá quase acabando. Logo já é dia 05 de outubro, nem te preocupe.

Ozymandias
Postado 22/09/16 01:28

Agradeço a todos pela participação! Logo começaremos a avaliar os textos e o resultado sairá, como diz no tópico, até o dia 5 de Outubro. Obrigado! :)

Julih
Postado 22/09/16 13:52

Awn :c

Sorelly
Postado 05/10/16 22:29

AI MDS, ESSE RESULTADO, QUE LINDO *---*

Parabéns ao Gio e a Thái, principalmente a moça dos lacres, foi totalmente merecido.

E gratidão aos jurados pelo excelente concurso e por cumprir o prazo ♡

Ozymandias
Postado 05/10/16 22:33

Resultado disponível! Comentários sobre os textos virão ao longo dessa semana e da próxima. Obrigado a todos por participarem, e lamentamos qualquer inconveniente!

Hlodyn
Postado 05/10/16 22:34

Parabéns aos vencedores!

Agradecemos a todos pelas obras incríveis! <3

Yvi
Postado 05/10/16 22:36

Que resultado lindo! Parabéns pessoas!!!

Conta abandonada
Postado 06/10/16 00:07

Agradeço pela avaliação.

Lirismo Defeituoso
Postado 06/10/16 15:23

Que coisa maravilhosa é essa? Parabéns, seus bonitos!

Participantes (10)

Textos (8)