Alma Escrava
tori vibks
Tipo: Lírico
Postado: 10/12/17 22:47
Editado: 02/03/18 16:39
Gênero(s): Cotidiano Drama Poema
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 22seg a 29seg
Apreciadores: 6
Comentários: 3
Total de Visualizações: 600
Usuários que Visualizaram: 8
Palavras: 59
[Texto Divulgado] "Tempestade" Porque eu sou como uma força da natureza, não tente me parar. Isso é tudo o que eu te peço.
Livre para todos os públicos
Capítulo Único Alma Escrava

A saudade açoita minha alma

mas sua lembrança me acalma

Acalma como chuvas de verão, refrescam

e revigoram meu coração

Dói não te ver

Não te ver e saber

Saber que foi escolha tua

Escolha tua, que via minha carne

Carne, nua e crua, que invés

de jogar água para sanar a dor

pegaste o chicote e me açoitou

❖❖❖
Notas de Rodapé

Por ser primeiro texto, espero que gostem!

Por favor, deixem críticas e sugestões

Vibks

Apreciadores (6)
Comentários (3)
Postado 19/01/18 20:03

Esse texto aperta nossos corações ao ler! Ótimo trabalho ;) <3

Postado 31/01/18 02:03

Amei. Sou fã desse tipo de obra dramática.

Parabéns!

Postado 03/07/18 22:56

Um belo, poético, profundo e sensato início! Bem vindo à AC! Sua obra é muito boa! Parabéns! Que venham muitas e muitas outras!