Contando até três
6 de Janeiro
Tipo: Lírico
Postado: 23/02/18 23:39
Editado: 26/05/18 13:05
Tags: contagem
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 54seg a 1min
Apreciadores: 4
Comentários: 2
Total de Visualizações: 122
Usuários que Visualizaram: 6
Palavras: 145
[Texto Divulgado] "O que surge do vazio... " Não existe ser humano que suporte o vazio dentro de si. Mas, o que acontece quando é uma Huldra que sente assim? Eis uma pergunta cuja resposta jamais deveria ser respondida...
Não recomendado para menores de dezesseis anos
Notas de Cabeçalho

eu tenho nojo

Capítulo Único Contando até três

De alguma forma estou sozinha

Enquanto as luzes noturnas vão morrendo

A semana toda é um sábado aborrecido

Mas há um segredo oculto por debaixo de meus dedos

Minha mente pendura-se em cada árvore verde

Deixo com que meu pó semeie a terra

Estou perdida entre a vegetação

Por detrás de meus olhos inicia-se uma guerra

Eu irei contar até três

Com a pele formigando por dentro

Com o corpo do avesso

E a garganta sendo roída

A ansiedade que me possui,

Torna os mundos mais interessantes

E aterrorizantes

Em minha cabeça

Eu irei contar até três

E ainda me sinto sozinha

Eu irei contar até três

Gostaria de conseguir dormir uma noite todinha

Irei contar até três

Três disparos em meu peito sujo

Cheio de culpa e nojo, eu sou imunda

Eu irei contar até três,

até que se esgotem todos os meus números.

❖❖❖
Notas de Rodapé

vocês tem nojo

Apreciadores (4)
Comentários (2)
Comentário Favorito
Postado 11/03/18 22:28

Ash, os pensamentos obscuros que temos quando a noite escura não nos permite dormir e nossos desejos secretos escapam de nosso subconsciente....

Bom, mto bom

Postado 16/03/18 12:08

thanksssssssssssssssssssssssss <3

Postado 25/05/18 21:09

O que acabei de ler? Muito bom mesmo!

Postado 26/05/18 13:06

Obrigada! <3

Outras obras de 6 de Janeiro

Outras obras do gênero Crítica

Outras obras do gênero Drama

Outras obras do gênero Poema

Outras obras do gênero Reflexivo