Imerso
tori vibks
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 22/04/18 20:06
Gênero(s): Crônica
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 1min a 2min
Apreciadores: 4
Comentários: 1
Total de Visualizações: 173
Usuários que Visualizaram: 7
Palavras: 244
[Texto Divulgado] "A noiva" Com uma taça em mãos e olhar voraz, se flagrava confortável por não ter alguém ao seu lado prometendo o que não é capaz de cumprir. Observava a concentração do pianista, as velas agora já derretidas na bancada e o sorriso que iluminava o belo rosto da noiva.
Livre para todos os públicos
Capítulo Único Imerso

A vida é sempre um ser que adora brincar com nós, imagino claramente ela como uma criança que segura uma lupa no sol e nós como formigas indefesas que ela tortura até que a morte chegue.

Brigas mortes desafios oque a vida faz conosco não é nada comparado com oque a fúria de um supremo sobre a terra....

A escuridão da noite me aconchega o medo e o ódio são fiéis amigos que não saem de perto , alegria tão longe parece mesquinha e autoritária e tão longe que parece não existir, o poço que estou é tão profundo que a tempos não vejo luz, eu me tornei um com a escuridão.... Os demônios atacam a minha volta mas eu estou a tanto ali que eles nem me notam, cada vez mais pessoas chegam aqui, mas elas gritam e choram como se aqui fosse um lugar ruim, eu vivo aqui sei que não é tão deplorável nossa situação pois mesmo no escuro não estamos só....

De tudo oque sinto somente a solidão me aflige,pois no fundo de minha alma quero acreditar que não estou só....

O mundo em que vivo é tão escuro, sou cega não por falta de luz e sim por não abrir os olhos, muitos me vêem pelo que demostro ser mas poucos tem visão aguçada para ver o que sou....

Eu sou um com as trevas muitos vão contra nós, eu e as trevas, mas ao lado dela me sinto completa...

❖❖❖
Notas de Rodapé

Oie obrigada por ler espero que tenha gostado, estou aberta a críticas e sugestões

Apreciadores (4)
Comentários (1)
Postado 21/10/18 23:14

Uma obra muito sincera e real, me lembrou muito da música "All My Demons Greeting Me As A Friend" da AURORA, a música diz exatamente isso, sobre estar trancando em um ciclo de coisas pesadas, e mesmo assim, se sentir um pouco vivo e ver seus demônios frente a frente, saber que você ganhou deles enquanto eles se inclinam em seu leito, dizendo "você fez um bom trabalho, te comprimentamos como um amigo", sua obra é incrível, sensitiva, meu coração se encheu de calor enquanto eu lia, se puder ouça essa música, veja a tradução e algum vídeo da AURORA explicando sobre, pois esta sua obra, juntamente com a dela, criam um portal de sentimentos muito idênticos e uma certa esperança.

Parabéns!