Um sonho, uma vida, um amor
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 06/01/19 18:00
Editado: 07/01/19 16:28
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 2min a 3min
Apreciadores: 4
Comentários: 3
Total de Visualizações: 225
Usuários que Visualizaram: 8
Palavras: 460
[Texto Divulgado] " Bicicleta" "Meu bem, a vida é como andar de bicicleta, só chegamos a algum lugar se aprendermos a cair e se nos movimentarmos."
Livre para todos os públicos
Capítulo Único Um sonho, uma vida, um amor

Caminhamos na praia em passos lentos, apreciando a vista. Suas mãos brincam entrelaçadas com a minha e um sorriso está estampada naquele rosto bonito que ele tem, e que sorriso...

Por vezes levanto meu vestido, para não molhar a barra com as ondas que beijam a areia da praia.

Quando não temos olhares curiosos ao nosso redor, nos beijamos e posso sentir como sua pele está quente, pela luz do sol e pelo calor dos nossos momentos.

Minhas mãos passeam por suas costas, agora um pouco molhada pelas gotinhas da água do mar. A sensação da sua boca salgada acariciando a minha é indescritível.

Com aquele sol de finalzinho de tarde e meus pés sentindo a fria areia da praia, entre uma frase e outra, Jack me surpreende com algumas conchas para minha pequena coleção.

- Sabe, as vezes eu penso que você é como um daqueles contos místicos que leio por aí...

O observo um pouco confusa e ele sorri.

- Sério? Como assim?

- Não sei. Você é estranha, mas no sentindo bom... Sabe quando a gente gosta muito de uma coisa mas não faz idéia se um dia vai conseguir desvenda-la por completo?

- Não sei... Não estou entendendo muito bem. - dou risada da sua pequena confusão, mas tento me conter e escuto com atenção.

- Estou dizendo que às vezes você parece uma daquelas histórias que eu escutava quando criança. Aquelas criaturas bonitas, mas perigosas. Que ajudavam os outros com sabedoria, mas que também avisava dos perigos das decisões erradas.

Seu olhar parece invadir a minha alma naquele momento, estou ali em frente a ele, sem saber o que dizer. Após uma pausa para pegar outra concha e me entregar, Jack continua a sua explicação.

- E daí você parece uma força da natureza, algo incontrolável. É bonito, bondoso e cheio de sabedoria. Mas tem seu lado sombrio, seus labirintos e suas surpresas...

- Ainda não entendi se isso é bom ou não. Mas gosto que as pessoas me vejam dessa forma.

- Isso é incrível. Parece que a gente está lendo um livro e imaginando todos os momentos, nem parece real. E quando você se pega vendo que está realmente vivendo aquilo... É surpreendente.

Ele volta a falar empolgado enquanto sorrimos um para o outro.

- Jack... Talvez eu seja uma dessas criaturas das histórias, ou talvez... aquilo que os outros vêem como algo comum. Mas de uma coisa eu tenho certeza, ninguém irá me decifrar totalmente.

- Quem sabe um dia eu consiga?

Ele me presenteia com mais um daqueles sorrisos tímidos, em que suas covinhas ousam aparecer.

- É... Quem sabe um dia!

Ele me dá um abraço apertado, beijando o meu ombro com carinho. Eu fecho meus olhos aproveitando mais um de nossos momentos, pensando no quanto eu amava aquele homem chamado Jack.

❖❖❖
Apreciadores (4)
Comentários (3)
Comentário Favorito
Postado 08/01/19 15:13

Idescritivel. Fantastico. Expressivo e belo. Uma obra digna de ser admirada

Postado 09/01/19 00:01

Aaah que felicidade a minha.. Obrigada ❤️

Postado 06/01/19 18:37 Editado 06/01/19 22:13

Eu entrei toda na onda do Jack e já achei que ela fosse uma sereia ou algo do tipo. O final trágico nunca me abandona, já imaginei ela o matando de algum jeito hahahahahaha.

Adorei o texto e a visão mística que ele tem dela. Consegui me conectar ao que ele dizia muito facilmente.

Postado 06/01/19 21:35

Hahahahah acho que ele não vai conseguir desvendar essa moça... Fico feliz que tenha apreciado o conto, obrigada ❤️

Postado 06/01/19 19:13

Uma gracinha de conto. Por mais que seja breve, conseguimos visualizar tantas coisas através dos momentos que esse casal vive. É lindo, mágico e encantador.

Meus parabéns ♥

Postado 06/01/19 21:36

Aaaaaaah muito obrigada ❤️

Outras obras de Pelas janelas de um coração

Outras obras do gênero Crônica

Outras obras do gênero Drama

Outras obras do gênero Mistério

Outras obras do gênero Romântico