A canção do bardo (Terminado)
White Dragneel
Usuários Acompanhando Nenhum usuário acompanhando.
Tipo: Antologia Poética
Postado: 08/05/19 17:15
Editado: 26/06/19 10:22
Gênero(s): Poema Romântico
Qtd. de Capítulos: 22
Cap. Postado: 11/05/19 20:06
Cap. Editado: 23/05/19 16:07
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 1min
Apreciadores: 1
Comentários: 1
Total de Visualizações: 54
Usuários que Visualizaram: 2
Palavras: 209
[Texto Divulgado] "A bela arvore" Era uma vez, uma bela arvore, que de tanto ser admirada, passou a criar vida, e admirar o mundo...
Livre para todos os públicos
A canção do bardo
Verso 5 Minha doce lisa

Havia muito que eu me cansara daquelas guerras, das matanças. Matei inumeras pessoas apenas para descobrir que era apenas usado pela igreja.

Então me isolei. Saia para caçar as vezes mas nunca permiti uma cria. Não queria que se tornassem o que sou.

Foi numa noite, relembrando minha longa vida imortal, que você bateu as portas do meu castelo.

_ Vlad.... tem alguem chamado Vlad aqui- você me perguntou.

_ Faz anos que não me chamam assim- respondi de minha poltrona e, me levantando, disse- o que deseja senhorita Lisa?

Você ficou chocada ao perceber que eu lera sua mente. Isso me fez rir momentaneamente. Mas me recompus e esperei sua resposta.

_ Ouvi que um certo Vlad, que vivia distante, possuia conhecimentos que podem ajudar as pessoas.

Ajudar os humanos que mataram minha primeira esposa.? Parecia absurdo. Mas sua beleza e a sua personalidade logo me fizeram mudar de ideia.

_ Venha comigo....a biblioteca é por aqui- eu disse

Levei-a ao enorme aposento e sentei-me numa cadeira empoeirada enquanto você, entusiasmada, procurava os livros mais diversos.

Anos se passaram. Não muitos. Pois você não era como eu e eu não queria que fosse.

Sob a lua cheia vermelha nos casamos.

E pouco depois nosso filho nasceu. E eu me sentia novamente humano....

❖❖❖
Apreciadores (1)
Comentários (1)
Postado 11/05/19 20:41

Que mini-conto adoravel!

Postado 11/05/19 21:10

Rsrs também sei escrever coisas fofas