Quimera
Victoria C
Tipo: Lírico
Postado: 14/10/20 19:58
Editado: 14/10/20 20:28
Gênero(s): Poema Romântico
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 25seg a 33seg
Apreciadores: 1
Comentários: 1
Total de Visualizações: 33
Usuários que Visualizaram: 3
Palavras: 67
[Texto Divulgado] "O Livro da Sina" Histórias lindas que poderiam ter tido um fim mais amistoso, se o mês não fosse Outubro...
Não recomendado para menores de doze anos
Notas de Cabeçalho

Sobre um amor não tão romântico que me faz escrever para desencantar...

Capítulo Único Quimera

Não parecia errôneo imaginar

Que um dia eu te veria;

Sob a luz solar nos encontraríamos.

Além do corpo

Os nossos ossos estavam solitários.

E separados por infindáveis milhas que jamais

Poderiam se aproximar

Contudo, as almas encontravam-se.

Era um desatino não pensar que um

Dia tu me alcançarias

E quando os ossos estivessem juntos;

As almas fascinadas se tornariam únicas

E nada restaria para nos apartar.

❖❖❖
Apreciadores (1)
Comentários (1)
Postado 16/10/20 15:38

A ideia dessa poesia é extraordinária. O eu lírico nos toca com sua tristeza e nos convida para dançar essa melodia melancólica e trágica.

Obrigada por compartilhar esse texto conosco!

Parabéns, Victoria ♥​