Olhar guloso
Sonja
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 16/02/21 17:18
Editado: 16/02/21 17:21
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 1min a 2min
Apreciadores: 1
Comentários: 1
Total de Visualizações: 42
Usuários que Visualizaram: 4
Palavras: 272
[Texto Divulgado] "Escrevendo O Rei de Amarelo" Uma professora de Literatura e Escrita Criativa decide trazer para a realidade uma peça fictícia que deixa seus leitores loucos. O que poderia dar errado?
Não recomendado para menores de catorze anos
Capítulo Único Olhar guloso

Eis que estou em meu momento degustando minha doce solidão e meu café sem nada a me preocupar a vida...

Não que não haja problemas a resolver, contas a pagar ou demandas a encarar, todavia nada disso vale minha doce solidão, meu doce momento.

Você chega, me chama, me olha e pergunta sobre os meus dias.

Te convido a sentar e vamos conversando e não sei porquê você curioso está sobre minha história!

Então lhe falo de minhas viagens, de minhas lutas e superações...

É estranho, mas seus olhos vão sendo tomados de um brilho, seu olhar meu corpo percorre...

Continuamos conversando dizes que estou mais magra, mais bonita...

O olhar brilhante de desejo continua a percorrer meu corpo sem conseguir disfarçar...

Acho estranho o súbito desejo, o brilho inesperado presente em teus olhos...

Sei lá, três anos se passaram desde a última vez. Sem dúvida, minha melhor vez... Esta área minha vida se divide em antes e depois de você!

Foi bom, verdade seja dita: fantástico! Mesmo corrido o tempo, seu toque, suas memórias ainda povoam meu corpo e me excitam...

E agora, aí está você, conversando comigo novamente, seu olhar guloso percorrendo meu corpo, agora os lábios acompanham o olhar, mas nem uma palavra é dita.

Termino meu café, me despeço, agenda cheia, um milhão de compromissos...

Mas sinto-me realmente cheia em saber que te marquei e que apesar do seu olhar guloso, você vai ficar à míngua, pois sou senhora de mim, de meu corpo e de meus atos...

E, a despeito de sentir igual desejo por teu corpo e dos teus beijos...

Desejo muito mais minha doce paz!

❖❖❖
Apreciadores (1)
Comentários (1)
Postado 16/02/21 22:38 Editado 16/02/21 22:39

Srta Sonja, que texto delicioso este com o qual nos agraciou! É o tipo de leitura muito gratificante e prazerosa de ser feita, pois mostra o quanto a protagonista amadureceu e evoluiu com o passar do tempo e a despeito de algo tão complicado (e por vezes doloroso) quanto um término de relacionamento, além de demonstrar toda a força e até mesmo respeito por si mesma e por sua história.

Admito que as descrições dessa tensão sexual entre os personagens é simplesmente deliciosa de ser acompanhada e imaginada, pois foi descrita com uma maestria e gradual intensidade verossímeis e invejáveis, mas o ponto alto dessa magnífica história é justamente a compreensão da protagonista acerca de si, do outro e da situação, sem se abalar ou deixar levar pelos impulsos em prol da manutenção de sua paz de espírito (sem deixar de desejar somente o bem para o ex affair).

Excelso, simplesmente excelso! Espero um dia ser capaz e digno de eu mesmo adquirir tamanha evolução!

Meus sinceros parabéns, Srta Sonja! Mais uma obra prima para sua coleção e nosso deleite/aprendizado em N aspectos! Muito obrigado por tão agradável postagem, de coração!

Atenciosamente,

um ser que perdeu o olhar guloso, Diablair.

Outras obras de Sonja

Outras obras do gênero Cotidiano

Outras obras do gênero Crônica

Outras obras do gênero Erótico ou Adulto

Outras obras do gênero Reflexivo