Esgotada
6 de Janeiro
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 21/07/22 13:31
Editado: 21/07/22 13:36
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 1min
Apreciadores: 3
Comentários: 2
Total de Visualizações: 78
Usuários que Visualizaram: 5
Palavras: 209
[Texto Divulgado] "Renascentismo" "And it's good to be alive Crying into cereal at midnight If they ever let me out, I'm gonna really let it out"
Não recomendado para menores de catorze anos
Capítulo Único Esgotada

Sinto meu rosto embrulhado em um saco de papel

Recentemente, precisei tatuar em meu corpo

Palavras que me lembram de ser forte

E desenhos infantis para eu rir

Pois tudo é extremamente caótico.

Os dias e as noites

Passam como um furacão

E levam tudo que havia de bom

Você é adulta agora

E mora longe da mamãe

Você chega em casa querendo chorar

Mas há uma pia cheia de louça,

O estômago ardendo de dor,

O chão sujo...

E de repente nenhum esforço mais faz sentido.

Eu preciso lavar esses pratos,

Eu preciso fazer minha comida,

Eu preciso lavar o chão.

Eu preciso me abraçar todas as noites

E preciso secar minhas lágrimas a todo momento

Jorrando quentes enquanto no peito

Está rolando uma combustão;

Quanto mais eu cresço e adquiro conhecimento

Mais infeliz pareço ficar.

É como se todos os sentimentos

Se tornassem apenas dor,

E quando não, tornam-se histeria.

Talvez eu tenha amaldiçoado minha própria vida

Tentando fazer tudo certo

Dando minha alma em cada tarefa

Não parece extremamente hipócrita?

Da parte do universo...

Houve um tempo,

No qual mesmo quebrada,

Eu era capaz de brilhar

E nos tempos de hoje,

Tudo que sou capaz de fazer

É me sentir esgotada.

Não parece extremamente decepcionante?

Crescer...

❖❖❖
Notas de Rodapé

Objetos no espelho são mais próximos do que aparentam.

Obrigada por lerem

Apreciadores (3)
Comentários (2)
Comentário Favorito
Postado 22/07/22 18:39

Oh, Seis. Você não imagina o quanto eu aprecio seus líricos.

É como algum sabia que já morreu disse: quando mais sábio você for mais triste também será, pois a alegria encontrasse em coisas simples — era algo mais ou menos assim.

Gostei muito da estrutura e da narrativa, lembrando muito uma crônica. E não existem possibilidade de não se indentificar, mesmo que em um pequeno nível ahhaha

Eu agradeço por compartilhar sua obra e dar a honra de uma leitura tão agradável e reflexiva, amei.

Assinado uma pequena vampira que só não cresceu no tamanho, ♥️

Postado 24/07/22 23:22

Obrigada pelo carinho Shizu! <3

Postado 21/07/22 21:49

É lindo. Simples e pontualmente lindo.

Acho que não posso comentar nada além de que a simplicidade com que a dor é enunciada torna tudo mais profundo do que aparenta. E isso é lindo.

Postado 24/07/22 23:22

Você nem sabe como esse comentário me ajuda! Muito obrigada pela força!

Outras obras de 6 de Janeiro

Outras obras do gênero Cotidiano

Outras obras do gênero Crítica

Outras obras do gênero Drama

Outras obras do gênero Poema