Zarpar
Pedro de Andrade
Tipo: Lírico
Postado: 26/02/16 20:39
Editado: 27/02/16 00:18
Gênero(s): Poema Reflexivo
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 18seg a 24seg
Apreciadores: 5
Comentários: 3
Total de Visualizações: 367
Usuários que Visualizaram: 7
Palavras: 48
[Texto Divulgado] ""
Livre para todos os públicos
Capítulo Único Zarpar

A vida sem todas as cores

Vem ser a pior das dores,

Em busca delas você deve ir,

Não fiques aí sentado,

Tens desejos a alcançar,

Um caminho a trilhar,

Risos, lágrimas, lembranças

E experiência para acumular.

Sem essa de "mais tarde"

Este é o momento de aventurar-se.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Depois de ler, leia de novo cada primeira letra dos versos e veja o que quero dizer-te com esse poema.

Apreciadores (5)
Comentários (3)
Postado 27/02/16 00:02

Ótima mensagem, e adorei a concisão e "objetividade" do texto. Parabéns ;)

Postado 28/02/16 15:33

Estou com o Daniel. Também gostei da mensagem e de como foi passada. Parabéns pelo trabalho e até a próxima.

Postado 02/07/16 01:15

Interessante. Paracem se combinar.