O amor não faz sentido, faz sentir
Cáh
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 27/02/16 13:55
Gênero(s): Drabble
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 1min a 2min
Apreciadores: 7
Comentários: 4
Total de Visualizações: 1070
Usuários que Visualizaram: 12
Palavras: 318
[Texto Divulgado] "Um poema sobre a gente " "mas venha para mim anjo, eu juro que me movimento, eu sei que está escuro lá fora, mas preciso de seu brilho para brilhar, então suma daqui escuridão, pois faremos um quarto para a luz" - SOKO
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

Hello, guys. Bom, eu não tenho muito o costume de postar por aqui, mas pretendo começar (risadinha de vergonha). So.. Esse é texto que eu escrevi a MUITO tempo, tipo, muito mesmo, e espero que vocês gostem.

Deixem seus comentários, e boa leitura.

Capítulo Único O amor não faz sentido, faz sentir

O amor não faz sentido, faz sentir….” – Capítulo Único

Ah, as histórias de amor! Ambas eram apaixonadas por histórias de amor, mesmo que negassem, mas mal sabiam elas que as melhores histórias de amor eram aquelas que aconteciam inesperadamente. Talvez elas nem mais acreditavam que algo daria certo em suas vidas, mas, felizmente, as melhores histórias de amor são aquelas que tinham tudo para dar errado e que acabam – por algum motivo – dando certo, elas acontecem naqueles dias em que resolvemos mudar os planos do dia e acabamos nos deparando com pessoas, pessoas essas que mudarão o sentido da nossa vida para sempre.

Foi então, quando em um dia qualquer, se conheceram. A partir daquele momento, foi como se entendessem que as histórias de amor não são somente aquelas de contos de fadas, não são somente histórias onde um príncipe encantado salva sua amada com um beijo de amor verdadeiro, mas, histórias de amor começam quando duas almas se encontram e, de repente, ali está criado um laço que as liga; elas haviam acabado de se enlaçar em uma coisa chamada amizade. Aprenderam então que as histórias de amor tem um poder magnífico, jamais descoberto pela medicina, o poder de curar feridas passadas e trazer a alegria já perdida.

Elas não tinham um manual do amor ou das histórias de amor, mas, ainda assim, sabiam exatamente como se amar; estavam vivendo uma história jamais escrita em livros, mas, agora a estavam escrevendo em seus corações com a caneta do amor.

Então, perceberam que realmente acreditavam no poder do amor, pois somente quem acredita no amor é que pode encontrá-lo, irá encontrá-lo quando menos espera, mas quando mais precisa. E essa é a beleza do amor criado pela amizade, é um amor inesperado, é um amor inestimável, é um amor imensurável e é um amor que não faz sentido, faz sentir e se faz sentir, algum dia, fará sentido.

❖❖❖
Apreciadores (7)
Comentários (4)
Postado 27/02/16 14:10

Muito bom, espero que venha a postar com frequência.

Postado 27/02/16 14:11

Fico feliz que tenha gostado. Irei fazê-lo, com toda a certeza.

Postado 27/02/16 16:38

Que lindo! Reforço o que o amigo Pedro disse: Espero que poste com frequência!

Lindo texto! <3

Postado 27/02/16 18:00

Obrigada.

É o que eu espero, mas devo admitir que minha rotina me faz esquecer que tenho uma conta no site. Isso sempre me acontece ;-;, mas já coloquei o site nos meus favoritos para não esquecer, e postar mais por aqui.

Obrigada por ler lido.

Postado 28/02/16 14:51

Destaque especial para o título. Inveja branca dele. Haha. Eu gostei do texto e da história como um todo. Assim como o povo de cima, também espero ver outros trabalhos seus por aqui. Até a próxima, moça!

Postado 29/02/16 16:52

É, realmente acho que não precisamos procurar sentido no amor, porque, talvez, ele nem tenha um sentido, mas sim um sentimento.

Pode deixar, verá.

Até, e obrigada por comentar.

Postado 29/08/17 09:19

Olá senhorita Cáh!!!

Eu simplesmente amei cada palavra desse texto!!! Foi tão lindo o modo a senhorita descreveu todos os acontecimentos!!

O título com certeza foi sensacional, magnífico e inspirador!!!

O amor realmente faz sentir, mesmo que as vezes não faça sentido!!!

Parabéns pelo lindo texto moça!! <3

Um abraço, Meiling!!

P.S for Diablair #ad01-33