Levante-se e cale sua angústia
Francisco
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 04/12/16 22:16
Editado: 04/12/16 22:18
Gênero(s): Drabble Reflexivo
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 37seg a 50seg
Apreciadores: 4
Comentários: 1
Total de Visualizações: 195
Usuários que Visualizaram: 7
Palavras: 100
[Texto Divulgado] "Tulipa do ex amor" A descoberta da falta de amor próprio após tropeços na vida amorosa
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

Texto escrito no modo: escrever por escrever.

Capítulo Único Levante-se e cale sua angústia

Você nunca escuta sua voz interior e quem sofre sou eu. Você tem o poder de parar com esses gritos, mas você não o utiliza. Você, de fato, me ama? Você, de fato, me quer? Sinceramente, eu tenho minhas dúvidas.

Deitamos em nossa cama e você finge que não ouve. Pare de se fazer de louco, homem! Assuma logo a responsabilidade e faça o que deve ser feito! Eu não aguento mais esses gritos, os quais perturbam o meu sono, o meu acordar, a minha vida.

Ficar esperando por mim, pelo padre ou pelo diabo não vai lhe fazer feliz.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Saiu isso. Espero que lhe agrade.

Apreciadores (4)
Comentários (1)
Comentário Favorito
Postado 05/12/16 19:44

Meu nível de interpretação de textos é desprezível, então só posso afirmar que senti algo com um quê de de tapa na cara com este texto. Com ou sem luva, mas foi.

Bom trabalho, monsieur LEcrivain!

Atenciosamente,

Um ser que ouve somente vozes e gritos provindos do Inferno, Diablair.

Postado 05/12/16 21:48

Nesses últimos meses, vi alguns vídeos e li uns textos motivacionais do Leandro Karnal e do Carlos Barros Filhos. Li também Nietzche. Somei isso tudo ao que já li e escutei sobre o Thelema, de Aleister Crowley, e vi quanto nós seres humanos somos donos de nossas vidas e responsáveis por nossa felicidade, tristeza, certeza, angústia.

Então, eu quis passar essa mensagem adiante, do meu jeito e do jeito que sei fazer. E isso é o que o melhor posso fazer, heheeh.

Pode ter sido um tapa na cara, mas foi a forma mais direta que achei pra dizer que cada um é responsavel por sua vida, seu sucesso, sua felicidade. Já diria Raulzito: "o homem é o exercício que faz."

Fico muito feliz pelo comentário, querido Diab. Sempre é bom, pois motiva e motiva. Obrigado.