Você pode fazer algo por mim?
Yvi
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 03/05/17 11:51
Editado: 17/04/21 14:33
Gênero(s): Drama Terror ou Horror
Avaliação: 10
Tempo de Leitura: 1min
Apreciadores: 8
Comentários: 7
Total de Visualizações: 1406
Usuários que Visualizaram: 14
Palavras: 200
[Texto Divulgado] ""
Não recomendado para menores de dezesseis anos
Capítulo Único Você pode fazer algo por mim?

Você pode fazer algo por mim? Enquanto eu me despedaço na chuva que cai a meia-noite. Enquanto eu ainda converso comigo mesmo e questiono minha sanidade. Você pode quebrar os meus ossos? Pode rasgar minha pele? Pode torturar minha mente? Arrancar os meus dentes? Triturar minha alma? Será que você pode me fazer sangrar? Parar de respirar? Você me faria esse favor? Acabaria com a minha dor? Colocaria um fim na minha vida?

Eu apenas sou um completo desperdício. Deveria apenas me matar. Meter uma bala na cabeça ou cortar os pulsos. Sim, eu poderia fazer isso, mas não iria realmente ajudar. Não resolveria os meus problemas ou mudaria qualquer coisa em sua mente. Então eu decidi te dar esse presente. Como uma recordação da despedida. Um pedido de desculpa por arruinar sua vida.

Eu irei me ajoelhar na sua frente. Pedirei quantas vezes precisar. Vamos acabar com tudo isso de uma só vez enquanto os meus pedaços ainda podem ser usados. Enquanto minha sanidade ainda não foi questionada. Talvez você possa fazer isso por mim. Eu posso te implorar. Pode me fazer feliz? Arrancar a minha pele? Mastigar meu coração? Torcer meus ossos? Você pode fazer algo por mim?

❖❖❖
Apreciadores (8)
Comentários (7)
Comentário Favorito
Postado 03/05/17 21:22 Editado 03/05/17 21:24

Respondendo à pergunta do título...

Sim, eu posso. Eu quero. E eu irei fazer tudo isso e muito mais. Pode se ajoelhar e não precisa pedir... Ainda.

Só vem. Só vem...

Atenciosamente,

Um ser que adora fazer alguém feliz desse jeito, Diablair.

Ps: nem preciso dizer o quanto gostei de tudo.

A SENHORITA MITOU DE NOVO, SUA DOENTE...

Postado 04/05/17 11:34

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Pois vá! Faça! Divirta-se! #corre

Ps: Essa doença está cada vez mais estranha!

Postado 03/05/17 14:34

O meu também.

Eu mergulhei num poço de escuridão e voltei, ao início e término da leitura.

Gostei muito, parabéns!

Ps. A capa está bonita.

Postado 04/05/17 11:31

Muito obrigada! <3

Postado 03/05/17 19:08

Gostei da narativa, apaixonei pela sanidade insana do personagem e agradou-me a capa. Parabéns, moça.

<3

Postado 04/05/17 11:32

"Sanidade insana" melhor descrição!

Obrigada! ^.^

Postado 19/05/17 13:28

Prefiro fazer outras coisas.................................................................................

Mesmo assim, bem escrito, como sempre

Postado 19/05/17 13:56

¬¬

Obrigada!

Postado 27/08/17 23:41

Não sei porque ainda consigo ficar abismada com as coisas que saem da sua mente. Deveria estar acostumada, não? Mas é cada tiro que recebo quando começo a ler suas obras. Este, em especial, poderia jurar que seria algo envolvendo romance dramático ou uma tragédia, a julgar pelo título e pela capa, que dá certo vislumbre incorreto do que vamos ler.

É fascinamente, na verdade.

Aqui jaz uma narradora tão obscecada pela morte, e corroída pela culpa. A única coisa que martela em sua mente é o fim de sua existência. Entretanto, não pode ser da maneira convencional, o ato de fazê-lo deve ser exercida por outra pessoa, caso contrário, não faria efeito, não?

Muito bom!

#ad01-029

Postado 28/08/17 00:49

Ilusão... Esse era o plano e, pelo que vejo, foi bem sucedido! kkkkk

Bem por esse lado aí.

Obrigada!

Postado 18/11/17 18:07

Pouco a dizer, muito a sentir. Esse foi um texto extremamente profundo, mesmo que possa ser avaliado como "caótico". Simplesmente maravilhoso.

#ad01 - 37/90

Postado 20/11/17 00:11

Obrigada!

Postado 11/12/17 21:48

Nossa, que intrigante... pedidos difíceis... :/

Postado 11/12/17 22:04

Nem me fale.