Correntes
Yvi
Tipo: Lírico
Postado: 07/09/17 18:56
Editado: 18/10/21 03:38
Gênero(s): Crítica Reflexivo
Avaliação: 9.83
Tempo de Leitura: 21seg a 28seg
Apreciadores: 10
Comentários: 9
Total de Visualizações: 614
Usuários que Visualizaram: 12
Palavras: 57
[Texto Divulgado] ""
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

Só tá saindo Lírico agora! Oxe! x.x

Capítulo Único Correntes

As grossas correntes

Presas aos pulsos

Vendavam a visão

Reproduziam o eco

Impediam o grito

Continham a boca

Mecanizando opiniões

Robotizando ações

Espelhando o “certo”

Um verdadeiro padrão

Apenas sim

Nunca não

Sempre de vigia

Impossível libertar

Não adianta tentar

Um caminho

Nada mais

Siga a corrente

Reprima vontades

Ignore desejos

Esqueça o “errado”

E...

Morra afogado

❖❖❖
Notas de Rodapé

Caos & Lógica...

Apreciadores (10)
Comentários (9)
Postado 07/09/17 19:40 Editado 07/09/17 19:41

Por mais inapropriado que seja, o poema me arremeteu a um filme de "terror" trash chamado e, de certo modo, à música Uprising da banda Muse. De fato, os grilhões do Sistema sobre a Massa e o Indivíduo em prol do controle é algo inegável e lamentável. E o pior: a maioria simplesmente não enxerga problema algum nisso.

Marionetes no teatrinho do "Normal" e do "Ideal". É o qye querem. É o que precisam.

Belo texto, Srta Flávia! Reflexivo, crítico e bem elaborado! Parabéns!

Atenciosamente,

Um ser afogado, Diablair.

#ad01-040/188

Postado 08/09/17 13:11

Pois é!

Obrigada.

Postado 07/09/17 20:31

Imaginei como se afogar em um mar de correntes... foi... diferente.... fora q lembrou o livro 1984 em certo ponto...

Anyway, zero caos, 100% criatividade. Congratz, minha anjinha.

Postado 08/09/17 13:11

Foi cheio de caos! u_u

Obrigada.

Postado 07/09/17 20:49

Arrebatador como sempre. Suas obras nunca deixam de me surpreender, Srta. Flávia!

Parabéns pela obra!

Postado 08/09/17 13:12

Muito obrigada!

Postado 07/09/17 22:01

Triste fim... Morrer afogado por não conseguir largar das correntes. Afogar... na própria repressão!!

Gostei sua divosa!!!

Postado 08/09/17 13:13

Tem a opção do alicate...

kkkkk Obrigada, Byby! <3

Postado 07/09/17 22:26

É interessante notar em como o significado de corrente muda drasticamente aqui. A maneira como você metaforizou mas mantendo seu verdadeiro uso é algo para se refletir; a vida inteira estamos presos a uma corrente imaginária que nos priva de algo, seja manipulável pela mídia, seja manipulável pela sociedade. Nós todos somos manipuláveis. E é essa manipulação que nos prende e nos cala dia a dia, nos mantendo focado em algo que não somos, nos mantendo focados em algo que tentam nos impor.

Um padrão "certo" que foi esteriotipado.

E é nessa falsidade toda que nos afogamos, não literalmente - em alguns casos até que sim, dependendo da mentalidade -, mas nos afogamos cada vez mais em algo que não somos; em um mundo ilusório padronizado imposto para nós.

Ótimo poema, Gema!

#ad01-049

Postado 08/09/17 13:14

Por esse caminho, Pami!

Obrigada pelo comentário divoso! <3

Postado 08/09/17 10:23

É muito triste, e estranho, e horrível pensar que todos somos acorrentados...

E as vezes é inevitável se afogar...

Isso me fez pensar no sentido literal, uma pessoa jogada ao mar, acorrentada, jamais teria como sobreviver, pois as correntes cada vez mais levariam a pessoa para o fundo rumo a morte... o único meio de sobreviver e chegar até a superfície, seria se livrando das correntes... mas, o mais horrível de tudo, é sabermos que é praticamente impossível se livrar das malditas correntes...

Parabéns pelo texto mocinha Flávia!!! <3

Está muito incrível!!! *-*

Um abraço,

Meiling!

Postado 08/09/17 13:15

Pois é.

Muito obrigada!

Postado 08/09/17 14:40

Seu poema me fez lembra daquela música da Pitty - Admirável Chip Novo. Só lembrou mesmo.

Tirando isso posso dizer que imaginei várias pessoas em filinha presas por correntes, bem filme de ficça em que os aliens escravição a humanidade, posso?

HAHAHAHAHHAHHA.

Adorei a mensagem que o poema passa, como também sua formatação e rimas.

Muito obrigado por compartilhar sua obra.

#ad001 (046-015)

<3

Postado 08/09/17 14:42

Quanta imaginação! kkkk

Obrigada!

Postado 24/02/18 18:53

Seu caos é formidavelmente maravilhoso <3

Postado 01/03/18 16:25

Obrigada!

Postado 24/10/18 00:13

Tá todo mundo nessa ultimamente, que possamos aprender a nadar...

Bela reflexão, parabéns ❤

Postado 18/11/18 22:01

Tipo isso.

Muito obrigada! <3