Como dormir numa noite de insônia. (Modo manual)
6 de Janeiro
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 13/11/17 14:09
Editado: 15/11/17 22:26
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 1min
Apreciadores: 4
Comentários: 4
Total de Visualizações: 65
Usuários que Visualizaram: 7
Palavras: 190
[Texto Divulgado] "Metamorfose. " Ele se olhou no espelho e não sabia mais quem era, ou o que estava fazendo ali, aos poucos, se viu mudar, seus braços ficaram firmes, seus pés se agarraram ao chão, sua cabeça gravitou num segundo - ele fez uma rotação ao redor do mundo; estava ele no mesmo lugar? Já não sabia dizer, mas, ele agora entendia, que não era mais o mesmo homem. Nunca mais.
Não recomendado para menores de dezoito anos
Notas de Cabeçalho

Dormi por muito tempo.

Minha Huldra está viva.

Capítulo Único Como dormir numa noite de insônia. (Modo manual)

Na solidão rotineira, entre duas ou três doses de gritos, embebo-me de fantasias carnalmente vazias. Deslizo-me por meus cabelos, sinto-me coberta por uma quentura fria; deslizo-me por meus braços dourados de sol de meio dia; deslizo-me rebuscando as vontades não satisfeitas entre os lençóis de quem me jura amor até a morte; deslizo-me à espera de que todas as luzes se apaguem, para que eu comece a desbravar meus universos magnéticos que se encontram entre as pernas.

Meus dedos deslizam com voracidade sobre as roupas, arrancando-as por debaixo das cobertas, invadem meus membros assombrando-os com espamos, e gritos e tremores... Tão cálidos, ritmados... Peculiares.

"Hoje vai ser com vontade!"

Gostaria de me olhar nos olhos, enquanto sinto-me eletrificada... E aqui está a melhor obra de arte que faço sozinha.

Enquanto faço as pazes com meu corpo, redeclaro amor à minha vagina.

Sacio minha sede de amor próprio com seiva fresca, diretamente da fonte.

Diretamente de meu interior. De meus mais curiosos bosques.

E enquanto os músculos das mãos não padecem, os olhos reviram buscando rostos que me inspirariam... E quando o corpo finalmente suspira, desmaio inalcansávelmente aliviada, logo em seguida.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Gostaram meninas? Recomendo.

(Não a parte da depressão, mas a parte de descobrir os universos e tudo mais).

Minha Huldra tá viva, mas está enferrujada. Até a próxima e obrigada.

Apreciadores (4)
Comentários (4)
Postado 13/11/17 15:23

Daí eu leio a sinopse e esqueço de olhar o gênero. Eu vim aqui tão iludida. kkkkkkkkkkkkkkk Me surpreendi com o método.

Ok, brincadeiras à parte, eu amei esse texto. Estava morrendo de saudades dos seus textos. O site já voltou ao ar em grande estilo graças a essa obra.

Parabéns! *---*

#ad01 - 106/154

Postado 13/11/17 15:29

HAHAHAHA obrigada aaaaaa <3

Postado 13/11/17 16:38

Gente, ela chega chegando sempre! Que mulher! Cê passou sua lindeza pro texto. Como consegue? aaaaaaah <3

Postado 15/11/17 22:24

JASISHAISHU, não sei como é que a senhorita consegue ver lindeza nesse serzinho aqui.

Mas obrigada hahahhahaha <3

Postado 13/11/17 22:03

Eu tive a mesma reação que a Srta.Flávia. Foi até que uma ilusão boa. Nada melhor do que dormir sentindo aquelas pequenas e exaustas descargas elétricas de prazer que somem só quando seus olhos se fecham. É literalmente cantar uma canção de ninar para si mesma e dormir bem, tranquila e renovada.

Parabéns pela obra genial!

#ad01 - 49/98

Postado 15/11/17 22:24

Eu fico tão imensamente feliz que vocês amaram isso e compartilham do mesmo auto-carinho pra dormir rapidinho hahahaha quanto amor! <3

Postado 17/11/17 11:41

É mais eficiente que uma taça de vinho, certamente, hehehe.

Muito bom, e até caliente, teu texto. Gostei mesmo! Parabéns!

Postado 17/11/17 14:37

Vinho pra mim só dá calor. Melhor siriricar. Odeio calor. IOJSOISJSOIAJSOIAJS