a soma de todos os poemas (Terminado)
Sabrina Ternura
Usuários Acompanhando
Tipo: Antologia Poética
Postado: 05/12/17 17:30
Editado: 06/12/17 00:16
Qtd. de Capítulos: 20
Cap. Postado: 05/12/17 22:32
Cap. Editado: 05/12/17 22:33
Avaliação: 10
Tempo de Leitura: 27seg a 36seg
Apreciadores: 1
Comentários: 1
Total de Visualizações: 61
Usuários que Visualizaram: 3
Palavras: 72
[Texto Divulgado] "Pindorama" Ei, você soube das últimas notícias lá do interior? Não? Eu sei de tudinho porque estive lá. Algumas coisas eu mesmo vi e outras eu ouvi falar, mas quem me contou jurou por Deus que foi verdade. E eu acredito. Depois de tudo que eu vi, não duvido de mais nada. Esse mundão é doido demais, é sim. Hum? Quer saber o que aconteceu? Olha lá que a história é grande e maluca pra danar. Mas vem cá, chega mais perto que eu conto sim. Lenda? História de pescador? Aqui não tem isso não. Aqui tem bruxa, espírito bom, criatura do mal e herói. E é tudo de verdade.
Não recomendado para menores de dez anos
a soma de todos os poemas
Décimo Sétimo Poema Bela Adormecida

Já era tarde,

O tempo estava gélido

E as estrelas brilhavam e brindavam

A noite que estava prestes a se iniciar.

Havia festa no céu

Quando o véu dos sonhos

Caiu sobre minha cabeça

E eu indefesa,

Comecei a adormecer.

— Já estás sonolenta?

Você me perguntou.

Apenas concordei com a cabeça,

Que agora descansava

No fundo de tua alma.

Sonolenta

Lenta, sonho

Com o moço que canta

Para eu dormir,

Enquanto sorri.

❖❖❖
Apreciadores (1)
Comentários (1)
Postado 08/12/17 22:56

Como é bom adormecer nos braços de alguém que tu sente que te ama e pode ouvir o coração bater feliz... AAAAAAAAAAAA, viu só?

Tu está me inspirando a escrever sobre amor!

MENINA TU É MÁGICA!

Postado 09/12/17 01:00

AAAAA, que bom que te inspirou!

Obrigada, moça

Outras obras de Sabrina Ternura

Outras obras do gênero Comédia

Outras obras do gênero Cotidiano

Outras obras do gênero Crítica

Outras obras do gênero Drama