Valsa Fúnebre
Sabrina Ternura
Tipo: Lírico
Postado: 19/04/18 21:21
Gênero(s): Drama Poema Reflexivo
Avaliação: 10
Tempo de Leitura: 34seg a 46seg
Apreciadores: 6
Comentários: 3
Total de Visualizações: 249
Usuários que Visualizaram: 10
Palavras: 93
[Texto Divulgado] "Tulipa do ex amor" A descoberta da falta de amor próprio após tropeços na vida amorosa
Não recomendado para menores de dezesseis anos
Notas de Cabeçalho

Salut, pessoal. Como vão? Espero que estejam bem.

A minha frequência por aqui despencou, porque, infelizmente, por motivos que não são válidos de ressalva, chega um momento da vida que o tempo é mais escasso que água no deserto. Para combinar com essa questão, decidi dar um pulinho aqui e compartilhar algo com vocês.

Sempre que der, estarei por essas bandas. Espero que façam uma boa leitura!

Capítulo Único Valsa Fúnebre

Danço com a morte

Como quem sorri pra vida.

Calo como o caos,

Mas por dentro, grito.

Interior é minha dor

Que, para muitos, minto.

Valso a passos lentos

Ao ritmo do vento,

Pois meu eterno lamento

Será o silencioso tormento.

Choro lágrimas inexistentes

Em meio ao aglomerado de gente

Que só sentem, o que querem sentir

E só vêem, o que deixo existir.

Meu sofrimento mascarado

Sofre com o eclipse completo

De um mundo que me esconde,

Mas que, também, corrompe-me.

Sussurro os versos da morte,

Pois a vida não me compete.

❖❖❖
Apreciadores (6)
Comentários (3)
Postado 21/05/18 12:54

Estou voltando ao mundo da escrita e queria ler textos mais sombrios, algo como o que você trouxe. Algo mais melancólico, triste, doloroso e real. Fiquei fascinada ao ler, e ao mesmo tempo pude sentir um desespero meio existencial durante a leitura. Eu realmente nem sei o que comentar (nunca fui das melhores comentaristas), mas quero dizer que achei lindo e forte o que você escreveu, Brina! Meus parabéns! <3

Postado 28/05/18 16:08

Obrigada, moça! <3 Muito bom tê-la de volta!

Postado 30/05/18 15:34

Brina evocou o T que mais aprecio para esta obra. Talvez eu seja Doente por dizer isso, mas eu me senti feliz ao ler. Tipo, toda essa melancolia e esse ar de tristeza e desespero me deixa encantada. Esse definitivamente vai para a lista dos textos que mais amo aqui do site.

Parabéns!

Postado 05/06/18 22:11

Fico feliz por ter agradado! Obrigada <3

Postado 09/06/18 13:28

Maravilhosamente triste, infelizmente já conheci sentimentos e dias idênticos a estes seus retratados... Nunca é fácil!

Parabéns pela sua obra!

Postado 09/06/18 13:54

Obrigada <3

Outras obras de Sabrina Ternura

Outras obras do gênero Drama

Outras obras do gênero Poema

Outras obras do gênero Reflexivo