Sabore(ar-te)
Yvi
Tipo: Lírico
Postado: 25/05/18 22:15
Gênero(s): Romântico
Avaliação: 9.2
Tempo de Leitura: 28seg a 38seg
Apreciadores: 4
Comentários: 3
Total de Visualizações: 354
Usuários que Visualizaram: 7
Palavras: 76
[Texto Divulgado] "Pecado na Capital" Elaborado de frustações cotidianas de uma sociedade banal.
Não recomendado para menores de dezesseis anos
Notas de Cabeçalho

Antigo.

Capítulo Único Sabore(ar-te)

Quando as luzes brilhantes

Ao chão chegarem

Irei tocar o teu coração

Com a graciosidade de uma bailarina

E a crueldade de uma criança

Eu irei recheá-lo

Com muita dedicação e carinho

Farei com que as chamas ardentes

De uma paixão avassaladora

O envolvam completamente

Para que assim eu possa

Com um sorriso alegre nos lábios

Saborear o que algumas almas chamam de amor

Mas eu acabo optando por chamar de:

Meu preciosos e suculento jantar.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Eu nunca fui de fazer sentido.

Apreciadores (4)
Comentários (3)
Postado 01/06/18 21:59

E lá vou eu, again, discordar da minha anjinha.... Há MUITO sentido, na verdade... Quem nunca teve pensamentos do tipo que atire o primeiro fósforo...

Congratz :*

Postado 01/06/18 22:25

Eu não vou nem falar nada. Esse foi o último da linha antigo.com que eu tinha por aqui... x.x

Postado 24/11/18 13:19

"a crueldade de uma criança" essa frase foi tão bem colocada na obra que até me falta ar, desde sempre, desde que eu era criança, eu ouvia os adultos "crianças não tem pecados" e eu pensava "não tem pouco, se vocês soubessem o que eu penso e faço me queimariam"

VAMO FAZER UMA COLAB COM ESSE TEMA AAAAAA

Enfim, amei esta obra, curta, objetiva e tão expansiva ao mesmo tempo... Como sempre, impecável!

Postado 25/11/18 21:39

AAAAAAH! Vamo! kkkkkk

Obrigada! <3

Postado 29/05/19 09:24

Eu achando que leria um texto romântico seu. Fui cruelmente iludida.

Adorei ♡

Postado 03/10/19 14:29

kkkkkkkkkkk Até parece!

Obrigada.