Nação feminina (Em Andamento)
Lourenco
Usuários Acompanhando Nenhum usuário acompanhando.
Tipo: Antologia Poética
Postado: 29/08/18 12:22
Editado: 20/10/18 21:35
Gênero(s): Cotidiano Reflexivo
Qtd. de Capítulos: 1
Cap. Postado: 29/08/18 12:22
Cap. Editado: 20/10/18 21:35
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 1min
Apreciadores: 0
Comentários: 0
Total de Visualizações: 65
Usuários que Visualizaram: 3
Palavras: 164
[Texto Divulgado] "Tempestade" Porque eu sou como uma força da natureza, não tente me parar. Isso é tudo o que eu te peço.
Livre para todos os públicos
Nação feminina
Notas de Cabeçalho

Um apelo desesperado, respeitoso a nação feminina.

Nação feminina

Capítulo unico Nação feminina

Os tempos passaram corroendo os conceitos e preconceitos,

Confundindo conquistas pessoais com o coletivo iludido,

A mulher cidadã fora educada por famílias tradicionalistas,

Nas adversidades culturais e religiosas de suas origens,

Rígidos conceitos no legado firmado no compromisso,

Dos conceitos milenares da mãe natureza seguidos fielmente,

Equívocos melancólicos turbaram o caminho de glorias,

Vitorias anegada por movimentos que se diziam feminista,

Aprisionadas por aproveitadores quais transformaram,

As glorias no caos desfigurado da mulher sem legado,

Na ignorância da cegues sugaram gota a gota o precioso valor da mulher,

Igualdade a qual não lhe fora negada confundida por interesses obumbras,

O legitimo legado perdeu sentido no negrume sem nexo,

Sem chão, sem direção, sem consciência do verdadeiro eu,

Nada fora concedido, tudo conquistado por merecimento,

Das glorias e vitorias conquistada na garra da luta sem trégua,

A essência do valor sobreviveu, na mulher presidente, empresaria,

No direito de não somente ser, esposa, mãe, dona de casa,

Ao verdadeiro legado o orgulho de ser mulher cidadã.

❖❖❖
Apreciadores (0) Nenhum usuário apreciou este texto ainda.
Comentários (0) Ninguém comentou este texto ainda. Seja o primeiro a deixar um comentário!