Engraçado
Diablair
Tipo: Lírico
Postado: 12/03/19 20:12
Editado: 12/03/19 20:15
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 1min
Apreciadores: 2
Comentários: 2
Total de Visualizações: 61
Usuários que Visualizaram: 5
Palavras: 225
[Texto Divulgado] "Escorpiana" Intensidade, esse é o seu nome. Aquela que sussurra, que grita e que demostra o quanto o amar é importante.
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

Intimista(?)

Que graça teria se (não) fosse?

Capítulo Único Engraçado

É engraçado

Quando seu melhor

Simplesmente não basta:

Na verdade, pelo jeito,

Nem chega perto.

É engraçada

A relativa facilidade

Com a qual te descartam

Quando antes diziam

Que você era especial

Ou ao menos significava

Algo a mais em suas vidas.

É engraçado

Quando te excluem

Em detrimento de outros

Que nunca estiveram lá

Quando elas estavam chorando

Ou até mesmo pelas mesmas

Pessoas que as fizeram chorar.

É engraçado

Quando você percebe

Que se importou demais

E hoje provavelmente

É a única pessoa

Que se lembra disso.

É engraçado

Pensar no quanto

Você tentou entender

E que isso não foi recíproco.

É engraçado

Quando você agradece

Ou demonstra interesse

Por sentimentos expressados

Em tantas conversas

Mas, quando é sua vez

De fazê-lo do melhor jeito

Que é capaz,

Simplesmente duvidam

Da veracidade

Ou mesmo da existência deles.

É engraçado

Ficar pensando

Ficar lembrando

De tudo isso

Sendo que, ironicamente,

Os alvos de tais reflexões,

Não o fazem.

Não por você.

Talvez por outros e outras

Mas não por você.

(Por que deveriam, não é mesmo?)

É engraçado

Perceber só agora que,

No teatro da vida,

Você protagonizou

Tantas e tantas vezes

O papel de TROUXA

E no final de cada temporada

Nunca houve aplausos,

Apenas memórias

E indagações dolorosas

É engraçado

Não é?

Deve ser. Ou ter sido.

Para os demais, pelo menos.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Haha

Apreciadores (2)
Comentários (2)
Postado 14/03/19 22:56

Em algum momento, passado ou futuro ou até mesmo presente, todos nós vivenciaremos isso. E aqui o sentimento foi tão expressado que nos resta rir da própria desgraça. Sim, achar engraçado aquilo que nada tem de engraçado.

Trouxa é uma palavra banalizada com um significado tão pesado. Tão marcante que por mais que a pessoa se sinta inútil, ao menos carrega consigo um apelido bem significativo.

Talvez sejamos todos apenas adesivos ambulantes. Somos encontrados, usados por um tempo e depois descartados em algum lugar aleatório. Às vezes, não saímos do lugar, somos apenas esquecidos.

De qualquer forma, gostei bastante do seu texto. Creio que ele merece ser bem apreciado e divulgado, pois expressa pura realidade. Muito obrigada por compartilhá-lo conosco!!!

Postado 18/03/19 11:54

A ironia do eu-lírico me comoveu imensamente! Identifiquei-me com os sentimentos dele, e gostei de refletir sobre o uso da palavra "engraçado" nesse contexto.

XOXO,

KM