POESIAS DE UMA POETA LOUCA. (Terminado)
Pequena Estrela
Usuários Acompanhando
Tipo: Antologia Poética
Postado: 25/03/19 20:45
Editado: 04/04/19 17:04
Gênero(s): Poema Romântico
Qtd. de Capítulos: 10
Cap. Postado: 04/04/19 17:04
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 57seg a 1min
Apreciadores: 0
Comentários: 0
Total de Visualizações: 21
Usuários que Visualizaram: 1
Palavras: 153
[Texto Divulgado] "a dança" sabe-se lá quanto vinho tomamos naquele quarto, de repente tu ligaste o rádio, colocou a musica lenta e pediu para que eu pegasse sua mão, e eu o fiz. dançamos desajeitados, rindo como tolos, nem sabíamos direito os passos, mas tudo bem, só nós estávamos lá, e estávamos felizes. era o que valia.
Não recomendado para menores de dezesseis anos
POESIAS DE UMA POETA LOUCA.
Notas de Cabeçalho

A ultima poesia, talvez a ultima desse livrinho pequeno.

Por que tenhos outras coisas para focar.

Várias idéias na mente.....

Esta será uma despedida digna. Falando sobre algo que todos nós que vivemos ou vemos alguém viver em um mundo assim.

Apreciem.

Décima poesia. Relacionamento Simbiótico.

Eu queria amar por escolha e decisão.

E de fato, talvez te amasse de forma intensa.

Mas logo tudo mudou, se tornou uma prisão

Se tornou obrigação.

Um infinito jogo de troca e recompensa.

Lembrei-me da biologia, nas aulas que frequentava.

Não quis acreditar, mas a comparação era lógica.

Sem mais amor, apenas troca.

Destrutiva, corrosiva, apenas dominação.

Uma simples relação simbiótica.

Tentou mudar, passar por cima do pesadelo.

Mas quanto mais tentava, era pior a experiencia.

Pior o desespero, não dava para sair dessa prisão de sentimentos vazios e decadencia.

Se soubesse que era assim que funcionaria no começo

Eu mudaria tudo sem demora.

Talvez nem tivesse começo, se ela ou ele avisasse que era para ser apenas jogo.

Eu teria entregado as fichas, dito adeus, talvez um "foi legal no começo".

E ido embora.

Quando o amor se torna uma guerra de poderes, falta de independencia, não há motivos para ficar.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Terminei, um capitulo forte de fato, e o ultimo.

Quis terminar assim apenas, e não, eu não vivi esse tipo de experiencia.

Mas vi pessoas a viverem

e não recomendo a NINGUÉM....

Espero q tenham apreciado, beijos eternos, da pequena estrela.

Apreciadores (0) Nenhum usuário apreciou este texto ainda.
Comentários (0) Ninguém comentou este texto ainda. Seja o primeiro a deixar um comentário!