na madrugada calada.
Pequena Estrela
Tipo: Lírico
Postado: 21/04/19 10:30
Gênero(s): Poema
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 1min a 2min
Apreciadores: 0
Comentários: 1
Total de Visualizações: 72
Usuários que Visualizaram: 3
Palavras: 264
[Texto Divulgado] " Apenas se jogue!" seja da altura de um pé, ou de um precipício para haver aventura tem que ter um inicio. tudo começa do momento em que tu se jogas.
Não recomendado para menores de catorze anos
Notas de Cabeçalho

bom dia

tudo bom crias?

espero q sim, na real, escrevi essa fita ouvindo Lana Del Rey, então espere baixaria pq hj é domingo e o poder é nosso.

vlw flw

Capítulo Único na madrugada calada.

na noite calada, eu deveria estar dormindo, já é hora.

mas não estou, regras não valem muito agora.

sinceramente, a coisa está se tornando quase que insuportavel.

quase intragavel, quase que me afogo nos próprios pensamentos libertinos.

eu realmente deveria esta dormindo, mas eu não queria.

toca a musica, sem legenda mesmo, mas sei bem o que ela diz.

a mais pura e tensa baixaria.

e o volume em vez de abaixar, só por vontade, agora eu aumentaria.

o calor que me habita está me matando, aos pouquinhos tira tudo de mim.

tira a calma, tira a boa moça que estava aqui até agora.

o pesadelo não acaba, mas eu gosto disso, gosto do pesadelo maldoso.

vou com ele até o fim.

e quantas vezes não pedi perdão ao meu pai que habita os céus por cair na tentação?

mas só de pensar no que a boca de certo ser poderia me fazer, ah, bem....

acho que terei que pedir perdão e refazer a oração.

o calor há de me matar, e se eu morrer, a culpa é tua, tua mesmo, que me fez cair naquilo que tanto evitei por anos.

deveria cumprir penitencia, orar para todos os santos.

mas não adiantaria, o calor me consumiria na próxima madrugada que eu permaneceria acordada.

e sendo sincera, eu não me importava, se for para morrer carbonizada pelo desejo e pela culpa.

que ambos me consumam, não ligo mais, "tô" sem paz.

mas eu quero mais, meu erro é sempre querer mais.

é algo que vicia.

a madrugada e o amor em excesso são minha companhia

❖❖❖
Notas de Rodapé

acabou lindezas

beijitos !

Apreciadores (0) Nenhum usuário apreciou este texto ainda.
Comentários (1)
Comentário Favorito
Postado 21/04/19 11:31

Profundo e sincero, algo de muito pessoal com certeza. Me pergunto oq se passa nessa mente, nesse coração.

Você é um livro aberto com um enigma dentro. Ah que curioso....

Postado 21/04/19 12:04

Bem, eu estou disposta a deixar as pessoas desvendarem o enigma que há em mim, mas provavelmente, nem todo mundo é corajoso para me responder á altura e tentar desvendar rs