Metamorfose
Victoria C
Tipo: Lírico
Postado: 31/08/19 21:51
Editado: 01/09/19 21:50
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 37seg a 50seg
Apreciadores: 3
Comentários: 2
Total de Visualizações: 526
Usuários que Visualizaram: 6
Palavras: 101
[Texto Divulgado] ""
Não recomendado para menores de catorze anos
Capítulo Único Metamorfose

Sou como o vento que paira no ar.

Sereno e tênue

Intenso e célere

Vou sempre onde quero ir

A procura de lugar para pertencer

Mas tudo parece se assemelhar.

E mais uma vez nesta tentativa

Incansável de me encontrar

Busco algo em que eu possa me reconhecer

Seria eu alguém que vive em constante metamorfose?

Transmudando e incomparável.

Tão exímio e fugaz

Quanto a imagem que se apresenta

Diante de mim no espelho.

Vivendo em um constante devir

E não sabendo a que lugar ir, perduro.

Mas o que sou nunca permanece

Vivendo em permanente transformação

Desse modo posso ser.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Já se sentiu de um modo como se sempre estivesse procurando por algo? Como se o lugar em que está é pequeno demais para tudo o que quer fazer? Mas, ao mesmo tempo, ciente de que quem pode transformar o momento e o lugar em que está independentemente da situação é apenas você.

Apreciadores (3)
Comentários (2)
Postado 31/07/20 14:37

O mais lindo desse poema é a verdade palpável que emana das palavras. Os versos possuem o mais alto nível de expressão de algo que paira nos corações de tantas pessoas. O eu lírico coloca em palavras algo tão real, afinal todos nós estamos em constante mudança.

A mensagem do poema é linda e a maneira que você escreveu, também!

Parabéns ♥

Postado 03/08/20 21:22

Muitíssimo obrigada pelos seus comentários e por sentir as poesias e lê-las de forma tão profunda! ❤️

Postado 20/08/20 13:53

Ao ler, me veio à mente a migração dos pássaros. Me pareceu isso, de certa forma. Uma visão de sempre buscar um lugar aconchegante ao sol ou algo do tipo.

Parabéns!!

Postado 30/09/20 14:04

Que lindo! Obrigada pelo seu comentário!