O Chiado
ancksunamunx
Tipo: Lírico
Postado: 16/11/19 02:31
Gênero(s): Cotidiano
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 33seg a 44seg
Apreciadores: 0
Comentários: 0
Total de Visualizações: 40
Usuários que Visualizaram: 1
Palavras: 88
[Texto Divulgado] ""
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

Escrevi esse "poema" agora, com peito chiando e um amargo na boca. Mas como acredito que todos os sabores devem ser provados, deixo esse amarguinho aqui. Espero que gostem.

Capítulo Único O Chiado

Dona Maria me disse

para parar de prender o choro no peito.

"Ah, mas é difícil!"

disse eu de olho cheio,

sentindo o peito chiar

querendo libertar.

Ainda assim não chorei.

Tomei algum remedinho

e calei o peito

mas só por um tempo.

Sei que um dia ele vai

chiar, doer, parar e libertar.

Mas sinto um vazio tão grande

que não dá pra por no peito

e peço desculpas à ele

por fazê-lo tanto sofrer.

Mas, Dona Maria, eu só poderei o libertar

quando livre for eu.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Gratidão por chegar até aqui.

Apreciadores (0) Nenhum usuário apreciou este texto ainda.
Comentários (0) Ninguém comentou este texto ainda. Seja o primeiro a deixar um comentário!