piloto automático.
Pequena Estrela
Tipo: Lírico
Postado: 19/11/19 20:28
Gênero(s): Poema Reflexivo
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 27seg a 36seg
Apreciadores: 1
Comentários: 1
Total de Visualizações: 70
Usuários que Visualizaram: 3
Palavras: 72
[Texto Divulgado] ""
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

Apreciem my ladies and boys.

e.... é isto.

Capítulo Único piloto automático.

Dia após dia

começo a mesma rotina

rindo das mesmas coisas

e das mesmas coisas, sou cativa.

rio, choro, entro em paradoxo e agonia

tento manter a sintonia

porém em vão

se passa mais uma data.

sou feliz

e ainda sim, me encontro embaralhada

misturada.

entre tantas sensações de mentirinha.

me encontro em um mar, sem ondas

tristemente estatico

sigo minha vida, se é que se chama de vida.

no piloto automatico...

❖❖❖
Notas de Rodapé

Fim, queridos, fim...

(estou ok, crianças, apenas entrem de forma imersiva no poema que diz tantas coisas...)

Apreciadores (1)
Comentários (1)
Postado 24/11/19 23:33

Clube de Cícero, Supercombo, Arctic Monkeys e afins aqui

Por que devemos esconder nossa fluência na dor? Ela não faz parte de nós? Por que esconder a nossa sina?

Não, não seremos tristes toda a vida, mas saberemos escrevê-la em toda a nossa vida. Isso não irá mudar.

Mas por isso, eu aprecio e aplaudo. Você merece!!!

Xoxo da Malva <3