Dont Cry
Blodreina
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 13/10/20 22:19
Editado: 18/10/20 23:06
Gênero(s): Drama Reflexivo
Avaliação: 9.5
Tempo de Leitura: 1min
Apreciadores: 5
Comentários: 5
Total de Visualizações: 102
Usuários que Visualizaram: 8
Palavras: 185
[Texto Divulgado] "Ecos do passado acorrentados pela negação" Somos os vultos nas fotos, aqueles que observam do escuro, aqueles que não estão mais mortos, o som da respiração no silêncio, a negação ecoando no futuro. Ou talvez apenas um de nós. Afundados em melancolia e no esquecimento, esperamos o momento em que voltaremos como uma folha em branco, sem nos dar conta da natureza trágica de nossa existência. Somos ecos do passado, somos o fardo e o trauma daqueles desafortunados da classe 3-3. Éramos a classe 3-3. Quem é o morto do ano? Também aguardamos essa resposta. | Oneshot Per Month Project | Mês do Terror e Horror | Outubro 2020 |
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

It's getting late and dark outside

I need to be with myself and center

Clarity, peace, serenity

( Big Girls Don't Cry - Fergie )

Capítulo Único Dont Cry

Está tudo bem, nós podemos começar como colegas de classe e brincar um pouco nos intervalos das aulas. Eu gosto de jogos de tabuleiro, mas posso jogar cartas com você. Tu bem, pode pegar na minha mão e me levar para passear, pode ser meu namorado e me mimar.

Mas sabe o que é? Quando a noite cair, eu vou precisar ir. Não é culpa sua, querido. Eu apenas preciso crescer e me tornar alguém digna de mim. É hora de eu me priorizar, de me amar.

Sei que vou sentir a sua falta, mas também sei que contos de fadas não terminam sempre com um final feliz. Eu preciso acertar as contas comigo, tirar as mãos do chão e caminhar para a frente.

A máscara precisa cair em algum momento. Quando acontecer, eu vou enxugar minhas lágrimas e continuar. Espero que entenda que não tem nada a ver com você, meu amor. Eu apenas preciso me livrar dessa escuridão que paira quando estamos juntos.

E então, quando o seu cheiro me abandonar, eu encontrarei um abrigo seguro. Serei uma garota forte, que não chora.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Créditos da capa: @Yvi

Apreciadores (5)
Comentários (5)
Comentário Favorito
Postado 18/10/20 03:22

O quanto eu amei esse texto, você não tem noção. Eu senti tanta falta dos seus dramas no meio dessa Carnificina toda hahahaha. E essa obra, em especial, faz tanta referência aos meus textos - não sei se foi proposital ou não - que eu estou mega feliz.

Há um lance no amor que você sabe o momento que deve partir, permitir que a outra pessoa siga o caminho oposto ao seu, para que você possa se fortalecer e seguir adiante. Não é egoísmo ou ilusão, mas um pouco de amor-próprio.

Parabéns, Gema ♡

Postado 18/10/20 21:47

Digamos que eu precisei pensar em algo que fosse mais Sorelly e menos Yvi.

Muito obrigada, Pami! Fico muito feliz por ter gostado. <3

Postado 14/10/20 15:49

I HOPE YOU KNOW I HOPE YOU KNOOOOOOW

Que música! E que texto real... Dia após dia eu vejo as mulheres cada vez mais tentando ser fortes e os homens parecem querer brincar de faz de conta.

Que puta texto bom!

Obrigada por postá-lo, querida Soso, sei que você é forte demais, obrigada por me inspirar!

Postado 14/10/20 23:46

Muito obrigada! <3

Postado 16/10/20 14:37

Esse texto emana uma realidade que devasta. É preciso ter muita coragem para ir embora por si mesmo. A narradora emana essa força de espírito e o leitor torce para que ela consiga alcançar seus objetivos, sem ninguém para brincar de conto de fadas em seu caminho.

Obrigada por compartilhar esse texto conosco!

Parabéns ♥

Postado 16/10/20 22:09

Muito obrigada, Brinis! <3

Postado 17/10/20 21:53

Isso foi muito triste, minha alma sensível ficou extremamente sofredora após essa leitura...

A vida é muito complicada, e ainda mais complicado são os sentimentos...

Eu não queria estar no lugar dessa narradora :(

Ótimo texto para ler em um dia depressivo hahaha

Um abraço, Flavinha <3

Postado 17/10/20 22:05

Muito obrigada, MeiLícia!

Postado 18/10/20 23:28

De me cortar o coração com afiada realidade que trouxe em seu texto e não paro de pensar o quando concordo que muitas vezes para crescer os amores ficam para trás, mas não é por ter acabado o sentimento é que faz parte de crescer: a mudança de ares... Talvez seja só meus devaneios de leitora mesmo hahha~

Eu amei seu conto e a nostalgia da época em estava no ensino médio, agradeço por compartilhar sua obra e participar do desafio, fico impressionada e muito alegre que a imagem tenha te inspirado~

Assinado uma pequena vampira, <3

Postado 18/10/20 23:33

Muito obrigada! <3