Maldita Estrada
Meiling Yukari
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 23/10/20 15:21
Editado: 23/10/20 15:24
Avaliação: 9.72
Tempo de Leitura: 1min
Apreciadores: 9
Comentários: 8
Total de Visualizações: 254
Usuários que Visualizaram: 13
Palavras: 191
[Texto Divulgado] "O Último Delírio de um Rei" Há muito tempo, num reino bem distante, vivia um rei que tinha dois filhos gêmeos. O rei estava morrendo, e em seus últimos dias, uma preocupação inquietava a mente do velho soberano: quem seria seu sucessor no trono?
Não recomendado para menores de catorze anos
Notas de Cabeçalho

Olá, este é um texto escrito para o AD03...

Não é algo agradável... mas desejo uma boa leitura...

Capítulo Único Maldita Estrada

Um carro veio em alta velocidade para fazer a curva, seu motorista bêbado não percebeu que o veículo era leve demais para tamanha velocidade durante uma curva tão fechada.

O carro tombou, vidro quebrou, o mundo girou...

O motorista bêbado e sua esposa desesperada sobreviveram com leves arranhões, mas seu filho de quatro anos que dormia do banco de trás chocou-se violentamente no teto quando o carro capotou, e morreu na hora.

O casal ficou uns dias no hospital, nem puderam estar presentes no velório do filho. Assim que receberam alta, a mulher foi atrás do divórcio, pois não suportava mais estar casada com um homem que só sabia beber sem ver as consequências.

Depois, assim que se recuperou totalmente, a mulher construiu uma pequena cruz de madeira, e foi até o local do acidente. Na terra ao lado da rodovia, a pobre mulher, aos prantos, enfincou a cruz que representava seu filho.

Ela olhou ao redor, caindo de joelhos, tamanha foi a dor em sua alma. Ergueu as mãos ao céu, e rezou em nome das mais de 30 cruzes que estavam enfincadas naquele terreno ao lado da maldita estrada.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Muito obrigada por sua presença <3

Apreciadores (9)
Comentários (8)
Comentário Favorito
Postado 25/10/20 16:14

Se eu já fiquei triste no texto "Durante o amanhecer", nessa eu perdi o rumo da minha vida. É tão triste o fato desse acontecimento ser tão recorrente e real. Porque quem normalmente sofre nunca é o errado da situação, é sempre a vítima e seus parentes que sobrevivem para sofrer ao luto ou a tragédia.

Uma cicatriz enorme em quem fica, principalmente em quem sobrevive.

E tudo ocasionado pela falta de bom senso de alguns motoristas. O enredo em si foi muito bem escrito, e a crítica por detrás de cada narração é nítida e dolorosa; dá uma sensação de frustração, por saber que muitos não pensam na vida alheia.

Parabéns, Mei ♡

Postado 23/10/20 15:50

Ai que triste.... :O E pensar que isso acontece todos os dias...

Postado 23/10/20 16:18

Uma triste realidade!

Bêbados inconsequentes que ceifam vidas inocentes... Um profundo pesar...

Obrigada por compartilhar conosco.

Postado 23/10/20 17:25

Ah, eu achei que o trecho do menino que bate contra o carro muito agradável. Faça mais. Kkkk. Excelente hein.

Postado 26/10/20 17:07

Muita raiva de uma situação dessas, nossa...

Gostei do texto, super dramático no final, parabéns!

Postado 31/10/20 02:58

Mórbido e macabro! Realmente a leitura é densa e gera uma enorme tristeza no coração do leitor por conta da situação dessa família.

Obrigada por compartilhar conosco!

Parabéns, Mei ♥

Postado 13/11/20 23:00

Mais uma vez, o Terror/Horror da realidade mostra seu peso cruel através de um belo e tétrico texto teu... E é realmente lamentável que, enquanto digito este singelo review, o texto se torna realidade de novo em várias malditas estradas pelo Brasil e pelo mundo afora...

Excelente texto de uma excelente autora, querida Mei! Meus parabéns!

Atenciosamente,

um ser que vive em um mundo forrado de cruzes, Diablair.

Postado 26/07/21 20:53 Editado 26/07/21 20:54

Como é de partir o coração em milhares de fragmentos ao vento de tão comovente é sua obra, Mei...~

Não existe muito o que dizer sobre, você fez um ótimo trabalho com este texto, ficou realmente inpecável.

Agradeço pela emocionante história e pelo compartilhamento de sua obra, grata por poder ler tal.

Atenciosamente, assinado uma pequena vampira, <3

Outras obras de Meiling Yukari

Outras obras do gênero Ação

Outras obras do gênero Cotidiano

Outras obras do gênero Crítica

Outras obras do gênero Drama