Eu encontrei Deus.
thaistardust
Tipo: Lírico
Postado: 27/02/21 23:34
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 41seg a 55seg
Apreciadores: 2
Comentários: 2
Total de Visualizações: 262
Usuários que Visualizaram: 5
Palavras: 110
[Texto Divulgado] ""
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

Um poeminha curtinho que escrevi numa noite que estava cansada de pessoas me perguntando se eu havia encontrado Deus.

Espero que gostem!

Boa leitura!

:)

Capítulo Único Eu encontrei Deus.

Quando você me vê triste, me pergunta se eu encontrei Deus

porque acredita que o que acontece comigo é ausência de fé.

Mas você não entende o ato de autodestruição que é

colocar em Deus suas expectativas de felicidades e perfeições.

E no Diabo, suas frustrações.

Eu encontrei Deus, encontrei sim.

Tantos deuses e deusas que você não acreditaria se eu contasse as histórias,

porque você só acredita no que quer

e, quando olha para o horizonte, só enxerga uma linha reta e chata.

Então, sim, eu encontrei deus e o diabo também.

Mas ainda não encontrei minha felicidade,

e isso não é problema de deus, do diabo

nem seu.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Espero que tenham gostado!

Gratidão!

<3

Apreciadores (2)
Comentários (2)
Postado 28/02/21 00:42 Editado 28/02/21 19:44

Srta Stardust, podes ter definido esta maravilha de "poeminha", mas estes versos na verdade me soaram tão grandiosos e poderosos que ressoaram fundo em minha alma! Que poema esplêndido! Eu sou da mesma opinião: é tão fácil jogar a culpa/colocar o mérito de atos e eventos em divindades, entidades e afins! E, para piorar, enquanto sobram inúmeros dedos para apontar, julgar e condenar, há uma escassez tão grande de mãos estendidas e braços abertos...

Sinceramente, esta obra é absolutamente excelsa do início ao fim, meus mais sinceros parabéns por tamanho talento e tato para a escrita! A senhorita MITOU mais que tudo aqui e agora!

Atenciosamente,

um ser que muitas vezea só quis/quer encontrar a Morte, Diablair.

Ps: a senhorita me permitiria fazer uma diablairização de sua obra? Fiquei deveras inspirado para escrever uma versão maligna destas estrofes espetaculares...

Postado 28/02/21 19:41

Querido Diablair, não sabe o quão grata estou por seu mavarilhoso comentário! Acredito que uma das essências do esplêndido seja a simplicidade e a sinceridade!

Agradeço muito, muito me agrada saber que gostou! Obrigada pelo carinho e apoio de sempre!

E, por favor, sinta-se à vontade para diablairizar o quanto quiser!

Gratidão!

<3

Postado 24/03/21 11:45

Seus versos trazem a reflexão sobre aquilo que é nossa responsabilidade, aquilo que é nosso, o que é dos outros e sobre a questão de julgar as pessoas

Sem dúvida temas importantes e pertinentes!

Obrigada por compartilhar conosco.

Postado 22/04/21 22:19

Muito obrigada, Monise!! Fico muito feliz em saber que você gostou!!

Beijos!!

<3

Outras obras de thaistardust

Outras obras do gênero Cotidiano

Outras obras do gênero Drama

Outras obras do gênero Poema

Outras obras do gênero Reflexivo