Pensamento triste que se pode dançar
Mei
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 06/09/21 13:05
Editado: 06/09/21 13:06
Gênero(s): Drabble
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 37seg a 50seg
Apreciadores: 1
Comentários: 1
Total de Visualizações: 231
Usuários que Visualizaram: 4
Palavras: 101
[Texto Divulgado] "Renascentismo" "And it's good to be alive Crying into cereal at midnight If they ever let me out, I'm gonna really let it out"
Livre para todos os públicos
Capítulo Único Pensamento triste que se pode dançar

Por que caminha como se não visse, no alto, a ave – em uma árvore, a ave – cativa ao não-falar?

Você vem e a mim não olha. Vem e não vê que nós, lado a lado, estamos sempre perto porém cruzados. Ouvi dizer, pois, do destino: quão opostos são os nossos!

Aceso, à frente, tinhas o sol na tua pele, estafa nas pernas, os ombros curvados e o céu sobre as costas. Seguia andando, desalinhado; os pés, arrastados, dançavam tango com o asfalto.

Ouviu-se ao longe teu longo suspiro – me diz, então, por que tão aflito?

Passou por mim.

Nada disse.

Silêncio.

❖❖❖
Notas de Rodapé

coisas a serem ditas:

1 - "nada disse": a vírgula existe somente se você quiser

2 - sobre o tango, o título é o que dizem dessa dança

3 - dia 27 faço 22 anos e eu estou contando os dias porque eu amo aniversários, principalmente se forem meus HaHa

4 - o tópico anterior não era necessário

5 - deixa eu calar meus dedos porque já deu.

e isso é tudo pessoal.

Apreciadores (1)
Comentários (1)
Postado 09/10/21 20:07

É lindo o modo como em ambas as situações, tudo fica tão triste e tão poético. Ele pode não ter dito nada, mas também pode ter dito que não era nada, e eu acho isso magnífico demais!

(Apesar que, em minha imaginação, a vírgula existe sim, para tornar ainda mais triste)

Obrigada por nos deixar dançar junto com o personagem durante o triste tango da vida...

Um grande abraço <3

(E feliz aniversário atrasado!)