Tutoriais do Inferno
Meiling Yukari
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 18/10/21 18:04
Editado: 18/10/21 18:09
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 2min a 3min
Apreciadores: 2
Comentários: 0
Total de Visualizações: 707
Usuários que Visualizaram: 7
Palavras: 367
[Texto Divulgado] ""
Não recomendado para menores de catorze anos
Notas de Cabeçalho

Olá, criaturas fofinhas da carnificina!

Este aqui é o primeiro textinho que estou escrevendo para o desafio de imagens desse Halloween!

Sou eu mesma que estou organizando, e dessa vez também estou estreando o desafio hahaha

Boa leitura <3

Capítulo Único Tutoriais do Inferno

"Eu sou Marilda. Sou uma amargurada professora. Odeio crianças. Odeio adolescentes. Odeio jovens adultos. Todos são ridículos e burros. Enquanto eu sou a fonte de toda sabedoria do universo. Pois eu sou linda, inteligente e interessante. Sendo assim os alunos deveriam é me agradecer por terem o enorme privilégio de me olhar durante as aulas.

E por falar em aulas, as minhas são as melhores do mundo! Afinal, sou ótima no que faço. E todos os alunos deveriam beijar meus pés e lamber entre meus dedos sujos, como forma de agradecimento por eu existir.

Sei que tem gente que finge não gostar de mim. Já teve até mesmo uma aluna que enviou um trabalho com o título: "Eu quero matar a família da Marilda". Tadinha, mal imagina ela que eu não tenho família alguma. É que sou perfeita demais para aceitar ter que dividir um espaço de existência com esses seres desprezíveis que têm o meu sangue. A aluna nunca saberá, mas na verdade seu sonho já foi concretizado. Matei todos da minha família.

Quando os alunos me perguntam qual é o segredo da minha inteligência e sabedoria, eu sempre respondo que é porque eu tomo muito sorvete, e sorvete faz bem para os neurônios. Não entendo o porquê riem de mim quando digo isso.

Bando de bobinhos. Mal sabem eles que quando matei minha família, abri seus crânios um a um. Assim pude retirar seus cérebros e mantê-los congelados. E desde então, uma vez a cada seis meses eu pego um pedaço especial, do tamanho de uma bola de sorvete e me delicio comendo. Talvez eles estejam meio podres depois de tanto tempo congelados, mas, como eu sempre digo para mim mesma, nunca senti diferença no gosto deles durante esses doze anos.

Bom, pessoal, vou desligando e terminando esse podcast por aqui. Espero que tenham gostado de saber desse método infalível de inteligência! E isso evita desperdícios também quando vocês matarem alguém. Basta comer os cérebros congelados como sorvete!

Beijinhos. Até mais."

E então Marilda clica no botão de upload em sua conta no site Tutoriais do Inferno. Um recinto muito respeitado na DeepWeb, onde se é possível encontrar diversos conteúdos intetessantes sobre a vida cotidiana.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Muito obrigada por ter lido <3

Espero ver mais pessoas participando também desse desafio de imagens! Para mais informações, veja o tópico do desafio clicando aqui no link: Academia dos Desafios - Imagens Tenebrosas <3

Apreciadores (2)
Comentários (0) Ninguém comentou este texto ainda. Seja o primeiro a deixar um comentário!

Outras obras de Meiling Yukari

Outras obras do gênero Ação

Outras obras do gênero Cotidiano

Outras obras do gênero Crítica

Outras obras do gênero Crônica