o sol
Green
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 12/01/23 08:57
Editado: 12/01/23 09:33
Gênero(s): Reflexivo Romântico
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 2min a 3min
Apreciadores: 0
Comentários: 0
Total de Visualizações: 43
Usuários que Visualizaram: 2
Palavras: 388
[Texto Divulgado] ""
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

parece que, finalmente, eu fui inspirado novamente... rs

Capítulo Único o sol

Já parou pra apreciar o clima em algum dia ensolarado? Fechar os olhos e sentir o quentinho e as cores dançando dentro das pupilas?

Eu sou uma plantinha, tenho plena consciência disso. Uma florzinha que, finalmente, acabou de germinar e está soltando no mundo suas primeiras folhas. O sol é uma figura importante no meu processo de crescimento, ele me inspira e me ajuda a produzir todos os químicos necessários para continuar me desenvolvendo.

Esse é você. O sol. Parece um papel muito grande e importante, mesmo observando previamente, não é? Não existiria o universo como ele é no presente momento em que escrevo (e no meu passado, de onde extraí a memória para meu argumento; e no meu futuro, onde o leitor-raio-de-sol há de concordar comigo) caso não houvesse a presença do sol como ele é, no presente momento em que escrevo (...).

Portanto, observe com atenção a importância da sua energia na minha vida. Na maior parte do tempo vou sentir uma certa complexidade em me expressar e demonstrar com palavras a imensidão do sentimento que guardo no peito referente à sua presença na minha vida, mesmo que num geral nem pareça que sou tão desajeitado (provavelmente a complexidade desse sentimento é tão intensa que nunca vai me parecer o suficiente toda forma de afeto que expresso). Portanto, gostaria de deixar eternizado aqui essas palavras racionais que (espero) me parecem fazer algum sentido e me parecem capazes de atingi-lo de uma forma que ambos consigamos entender pelo menos um pouco de toda essa euforia que eu chamo de amar você.

Nessa minha vida de plantinha florescendo, você é o sol. Não apenas meu, já que ilumina tudo em volta, mas cuja presença eu tenho a gratificante oportunidade de apreciar (diariamente, observe a minha sorte!). Esse é um sol que volta seus olhos para mim todos os dias, então eu sinto que posso crescer muito rapidamente e com muita vitalidade. É um sol que não me queima, um sol gentil e atencioso.

Essa que escreve é uma plantinha realizada. Uma plantinha que continua não sabendo expressar toda gratidão que sente, mas que foca muito em se esforçar para continuar demonstrando, porque você simplesmente vale muito a pena.

Espero que essas palavras sejam suficientes, pelo menos por enquanto (ou até quando a tua luz me inspirar mais uma vez).

❖❖❖
Apreciadores (0) Nenhum usuário apreciou este texto ainda.
Comentários (0) Ninguém comentou este texto ainda. Seja o primeiro a deixar um comentário!