Clowns
6 de Janeiro
Tipo: Lírico
Postado: 20/02/21 23:05
Editado: 21/02/21 20:59
Avaliação: 10
Tempo de Leitura: 1min
Apreciadores: 5
Comentários: 4
Total de Visualizações: 573
Usuários que Visualizaram: 10
Palavras: 178
[Texto Divulgado] ""
Não recomendado para menores de doze anos
Notas de Cabeçalho

Para o homem que disse que não gosta de poemas, mas que gostou dos meus.

Juro que tentei, cara, sou precipitada. Tive que te eternizar, agora você não vai morrer nunca.

Capítulo Único Clowns

Eu quero continuar te vendo sob as estrelas:

Azul celeste queimado;

preto breu de cabelos esvoaçantes;

fogo fátuo nos pulmões;

toque trêmulo e quente.

Have I found you?

I think that you are part of a dream.

Spoiler alert: I am a nightmare.

Nossos beijos enevoados

e nossas gargalhadas nadando em sintonia...

Em que tipo de universo existimos?

Grandes palavras,

pavorosas memórias,

olhos matreiros,

tímidas línguas,

preciso aprender este idioma novo.

Ou não...

Who knows?

É uma tragicomédia.

Meu grande corpo cansado

esbarrar no teu corpo

másculo e delicado

você é todo lindo.

Como vim parar neste labirinto de maravilhas?

Meus olhos flutuam até os seus,

como se usa as pernas?

Este formigamento é genuíno.

Com todas as cores que transpassam sua pupila,

Como você pôde notar as minhas?

Eu vou ficar pensando,

Me pegando pelos cantos:

Cantando,

sorrindo,

dançando desengonçada;

E então, tropeço e me aperto,

Finjo que sou você.

Finjo que somos nós.

Homem, não podemos existir.

Homem, para quê existe adeus?

Não podemos fazer isto.

Deveria ser contra lei te deixar entrar assim

aqui dentro.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Desgraça.

Não tardou, queridos.

Seis boiolinha, ataca novamente.

Agradeço por entrarem no meio deste beijo.

Apreciadores (5)
Comentários (4)
Postado 20/02/21 23:32

Pesquisas já comprovaram que o estado de paixão inibe nosso lobo frontal, nos fazendo perder a noção instintiva dos perigos sociais. Não é muito diferente de um estado de embriagadez. Six, você esta oficialmente alterada psiquicamente, hahaha. No mais, gostei muito da formatação e o drama me cativou profundamente, saiba disso.

Postado 21/02/21 00:18 Editado 22/02/21 00:21

Seja muito feliz, Huldra, pois sei que você o fará feliz além da conta também enquanto tudo puder durar, pois é tudo o que nos resta quando tal oportunidade surge em nossas existências...

Belo e empolgado texto, deleitável leitura e novidade, meus mais profundos parabéns por isso e tudo o mais de excepcional que possa vir...

Atenciosamente,

um ser na constante torcida, Diablair.

Postado 25/03/21 16:46

Hey, tá caidinha mesmo!

Legal te ver assim depois de tantas dores e atropelos, só é triste a distância...

Mas se for amor de verdade, não há distância que separe...

Na torcida sempre e sempre pronta a estar com você.

Te amo demais princesa linda!

Postado 18/04/21 11:45

Que poema mais encantador!! A paixão é tão linda e é lindo o modo como ela pode ser eternizada nas palavras de uma escritora!!

Adorei as primeiras linhas, com essa descrição das estrelas, do fogo, do corpo trêmulo, uma bela descrição do beijo apaixonado, que nos transporta até o infinito do espaço!!

Aprender um novo idioma, nessa metáfora, é sempre um trabalho ambíguo, que nos traz ao mesmo tempo tanta felicidade pelo que está sendo, mas também uma certa melancolia ao ter uma lembrança sobre o passado, que nos fez mal.

Mas eu desejo de todo meu coração que esse seja um idioma lindo no qual você possa mergulhar e dar tudo de si, recebendo reciprocamente tudo dele de volta!! Espero que o oceano de amor seja carinhoso, doce, profundo, intenso e sempre maravilhoso!!

Um grande abraço pra você, querida Seis, com muito carinho, da Meiling!! <3

Outras obras de 6 de Janeiro

Outras obras do gênero Cotidiano

Outras obras do gênero Drama

Outras obras do gênero Reflexivo

Outras obras do gênero Romântico