Delfínio
Victoria C
Tipo: Lírico
Postado: 22/01/20 12:09
Gênero(s): Poema Romântico
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 25seg a 33seg
Apreciadores: 3
Comentários: 1
Total de Visualizações: 142
Usuários que Visualizaram: 6
Palavras: 67
[Texto Divulgado] "A esperança na sombra da morte." Ódio ou Esperança? Qual desses sentimentos poderia proteger o amor?
Livre para todos os públicos
Capítulo Único Delfínio

Das rosas ao teu sorriso

Dos lírios brancos ao tom da tua pele;

No outono as pétalas se desfloram

E nas noites de verão o teu alvor se acentua.

Até mesmo as mais belas flores que exalam

o mais doce e profundo dos aromas,

quando desabrocham na primavera,

definham no inverno;

Mas tu, que tens a beleza de um delfínio, não desfalecerás

com o decorrer das estações.

❖❖❖
Apreciadores (3)
Comentários (1)
Postado 01/08/20 23:24

Versos apaixonantes, banhados de lirismo e paixão. Ler este poema é como passar todas as estações do ano em um campo de flores que nunca murcham, pois o amor as rega todos os dias.

Obrigada por sempre compartilhar brilhos poéticos e apaixonados em nossos corações.

Parabéns, Victoria ♥

Postado 03/08/20 20:49

Obrigada por esses belíssimos comentários! ❤️