Amo-te!
Monise
Tipo: Lírico
Postado: 04/10/20 18:46
Avaliação: 9
Tempo de Leitura: 1min a 2min
Apreciadores: 5
Comentários: 4
Total de Visualizações: 836
Usuários que Visualizaram: 9
Palavras: 276
[Texto Divulgado] ""
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

Overall delivery, Desafio 2 - Um texto romântico

Ultimamente não ando muito romântica...

Foi o que saiu...

Chorem comigo...

Capítulo Único Amo-te!

Mesmo depois de tanto tempo ainda amo-te

Amo-te com a lembrança

Amo-te com o pensamento

Amo-te com o sentimento que transcende o tempo...

Nunca o toquei, nunca sequer lhe falei de meu amor

Insegurança, medo, pudor?

Crença de insuficiência

Amor platônico, deveras...

Amo-te, porquê para mim

No caos de minha vida eras:

Amigo, confidente, apoio

Brisa fresca no verão

Em ti encontrava carinho

Contigo havia companheirismo

Diversão, refúgio

No entanto, nunca falei-te de amor!

Como a ti queria

Como com um beijo teu

Sonhava

Conversar contigo

Me animava

De mim tu tiravas

O melhor que podia florescer!

Conversávamos, saímos juntos

Tu sempre me convidavas

Saraus, palestras, peças...

Mas nunca me falaste de amor

Por isso, meu medo e pudor...

Amo-te por todos aqueles doces momentos!

Pensamentos, sentimentos, poemas

Que fizestes florescer

Desenhos, pinturas, ternuras

Mas que nunca dividi com você...

A vida ou eu, quem sabe?!

Me separou de ti...

Lembro, ainda com o coração ardendo

Quando fui lhe dizer adeus...

Pedi para tocar em sua barba e também nos cabelos teus

Lhe contei que me recordava de quando o primeiro fio de prata nasceu

Você riu e não me disse nada.

Ah, seus cabelos

Que sonho...

Tive-os em meus dedos!

Senti teu cheiro, tão bom, tão perto...

Como tantas outras vezes...

Esperei um beijo, que não veio

Então me despedi e parti.

Anos depois nos encontramos

Tens ainda mais fios prateados

No entanto não temos mais encanto

A distância ou será o tempo?

Acabou com aquilo

Que nunca foi realidade

Saudade...

Ah como o queria...

Amo-te como eras

Sério, sábio, inteligente...

Ainda hoje na minha lembrança

Amo-te mesmo a saber

Que NÓS nunca irá acontecer.

❖❖❖
Apreciadores (5)
Comentários (4)
Comentário Favorito
Postado 21/10/20 10:52

Aaahh~, Monise que texto! Sou apaixonada por dramas românticos e o seu foi lindo!

E triste, mas de uma imensa beleza na tristeza de amor e não ter mais. Como as vezes eu paro e concluo: não deixamos de amar nenhum de nossos amores, mas alguma coisa muda, talvez culpa do tempo, e as coisas nunca serão as mesmas novamente. Mas isso não nós impede de lembrar... Haha

Encantada com seu drama, com as rimas maravilhosas que colocou em cada versos e essa sinceridade que expõem em cada um de seus textos, apaixonada.

Agradeço por compartilhar sua obra, Amei!

Assinado uma pequena vampira, <3

Postado 21/10/20 14:26

Nunca esquecemos, só mudam as coisas...

É e bom ter vivido, sentido e amado, ainda que não tenha concretizado...

Agraciada pelo seu comentário!

Postado 05/10/20 10:30

Que lindo, o final foi...tão intenso pra mim

por que eu sei e sinto isso, esse amor, e essa realidade de que nunca será real!

está fantastico!

Postado 05/10/20 13:01

É realmente dolorido, né?!

Obrigada por ler e comentar! ;*

Postado 05/10/20 19:15

Você foi muito bem no tema! É bom sair da zona de conforto na escrita e, olha só, deu super certo para você!

Parabéns!

Postado 05/10/20 22:21

Obrigada!

Postado 07/10/20 01:43

Mais uma obra intensa e que alcança o leitor no fundo do âmago.

Obrigada por compartilhar conosco!

Meus parabéns, Monise

Postado 07/10/20 07:27

Obrigada pelo carinho e apoio! :*