Invocação
Yvi
Tipo: Roteiro (Cena)
Postado: 22/10/20 01:10
Editado: 13/05/21 23:59
Avaliação: 9.91
Tempo de Leitura: 2min a 3min
Apreciadores: 8
Comentários: 6
Total de Visualizações: 445
Usuários que Visualizaram: 12
Palavras: 479
[Texto Divulgado] "What your reason" Todas as coisas possuem uma razão de ser, um destino predestinado. Algumas razoes podem ser belas, outras são terríveis.
Não recomendado para menores de dezoito anos
Capítulo Único Invocação

CENA ÚNICA: INT. UMA CASA DE MADEIRA VELHA – MADRUGADA.

Uma mulher, vestida de branco, segura uma vela em sua mão direita e um livro na esquerda.

OLÍVIA: Em nome da Deusa, rogo para que alguma entidade atenda o meu clamor. Peço ajuda para uma vida findar. Obsecro te, Obscro te... ostendam autem!!!

Uma fumaça preta começa a sair das frechas do piso de madeira. Olívia fecha o livro e os olhos.

VOZ: O que a vida fez, pobre mortal?

OLÍVIA: Me trocou pela minha melhor amiga.

VOZ: É esse o verdadeiro motivo?

OLÍVIA: Não! Ele me humilhou, me bateu e torturou, profanou minha alma. Eu anseio por vingança, mas não tenho a força, nobre criatura.

VOZ: Como Imperatriz do Massacre, não irei ficar parada diante da situação. Dê-me o fio de cabelo da criatura.

Olívia pega os fios de cabelo do ex-marido e entrega para a Imperatriz. Durante o ato, a entidade segura a mão da mortal e enfia sua unha afiada no dedo anelar da jovem. Uma gota de sangue cai no chão. Ao fundo, do lado de fora, uma banshee começa a gritar.

OLÍVIA: Não entendo. O que está acontecendo?

IMPERATRIZ: Acha mesmo que pode me enganar? Menina tola!

OLÍVIA: Estou dizendo a verdade! Eu juro pela Deusa!

IMPERATRIZ: NÃO OUSE PROFERIR O NOME DA DEUSA EM VÃO!

Olívia se encolhe e olha para o chão. Imperatriz permanece parada.

IMPERATRIZ: Eu sei que está mentindo, posso sentir pelo cheiro do seu sangue. Ninguém tocou sua alma... ainda.

OLÍVIA: Mas ele me traiu! Ele me esperou sair e colocou a vaca da minha melhor amiga na nossa cama! Eu vi com meus próprios olhos! Eu vi ele chicoteando ela. Eu vi...

Olívia começa a chorar. Imperatriz demonstra toda a sua impaciência.

IMPERATRIZ: Você é fraca! Se viu, deveria ter degolado os dois de uma vez. Mas você não tem coragem, não é mesmo? Por isso pensou em invocar um ser divino e tentar enganá-lo. Pena que eu fui a invocada. Talvez você tivesse conseguido enganar a Ternura, mas comigo a história é outra, meu bem!

Imperatriz puxa uma faca da bolsa que estava em suas costas e começa a andar na direção da menina.

IMPERATRIZ: As velas são para mim? Eu odeio velas! Oh, até mesmo espelhos, que bonito. Você pode assistir enquanto eu corto seu pescoço. Soa extremamente poético.

OLÍVIA: Não, por favor! Eu imploro!

IMPERATRIZ: Eu amo os que imploram. Fica mais divertido assim!

Imperatriz imobiliza Olívia, coloca-a de frente para o espelho e faz um corte profundo em sua garganta. O sangue começa a jorrar. O corpo da menina despenca e a banshee fica em silêncio.

Imperatriz pega um castiçal, que lembra uma flor, e deposita ao lado do corpo.

IMPERATRIZ: Realmente poético. Agora, vejamos como eu vou fazer para voltar para casa. Preciso comprar um celular para o Black. Que inferno!!!

FIM DA CENA.

❖❖❖
Apreciadores (8)
Comentários (6)
Postado 22/10/20 02:19

NÃO ERA PARA EU ESTAR RINDO, CARAMBA! KKKKKKKKKKKKKKKKK QUE INFERNO, FLAVIA! Li o roteiro super atenta, quase roendo as unhas de ansiedade pra saber o que ia acontecer com essa infeliz, aí você me vem com esse final super quebra clima fudido... KKKKKKKKKKKK NADA A DECLARAR, SIMPLESMENTE NADA.

A minha orelha estava ardendo, deve ter sido por causa dessas chamadas em vão aí. Tudo é tão bem narrado que é impossível não visualizar com clareza os acontecimentos. Simplesmente amo como a Imperatriz brinca com as suas vítimas, mostrando toda a sua crueldade banhada da mais certeira justiça. Concordo, em vez de fazer minha orelha ficar ardendo, devia ter matado os dois de uma vez. Eu não ajudo corno nenhum por motivos de força maior.

Certeza que depois que tudo isso acabou, a Imperatriz pediu um Uber.

​Obrigada por compartilhar conosco!

​Parabéns, Flavinha ♥

Postado 22/10/20 15:42

FOI MAIS FORTE DO QUE EU!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk A Imperatriz só estava com a faca (ela sempre tem uma faca), mas não tinha nenhum pozinho mágico para abrir portal ou sair voando. E, aparentemente, o Hunter é o melhor em abrir portais! kkkkkkkkkkkkk

É, ela pediu um Uber e acabou conhecendo o vampiro que namorou. Ctz! kkkkkkkk

Muito obrigada! <3

Postado 23/10/20 16:41

Essa Imperatriz é a coisa mais cruelmente maravilhosa que existe na face da terra, meu Satã do Hell, olha como ela destruiu a menina hahahah

Mas admito que fiquei morrendo de dó da menina no meio da leitura, antes de perceber que a menina na verdade era do mal kkkkk

Muito bom, Flavinha do Hell <3

Abracinhos <3

Postado 23/10/20 21:04

Imperatriz gosta desse tipo de coisa.

Muito obrigada! <3

Postado 24/10/20 01:23

AH MANO, EU AMO ESSA SAGA DAS TRIGÊMEAS COM A IMPERATRIZ. Sério, eternizem isso.

Esse roteiro foi muito bem construído. A narrativa e as descrições são fortes e objetivas, imaginar as cenas é muito fácil e interessante. Quem diria que tentariam enganar a Imperatriz do Massacre, não? É por isso que os humanos estão cada vez mais fadados aos fracassos; acham que as mentiras tecidas podem se tornar verdadeiras somente pelo anseio.

Em primeiro momento achei que seria uma crítica referente à violência contra mulher; uma vingança muito bem cadenciada para punir o que a justiça não enxerga ou faz de cega. Mas o plot twist - principalmente nesse final - é hilário e genial.

Parabéns, Gema ♡

Postado 24/10/20 23:30

Muito obrigada!

Postado 24/10/20 14:37

Okay, eu vou precisar interpretar isso e fazer um filminho AGORA!!!

Que roteiro lindo! Brilhante, medonho, a proposta atingiu o que você esperara: chocar!

Parabéns, mesmo! Muito bem estruturado, com muita clareza, os diálogos são perfeitos, amei ver a Imperatriz do Massacre em ação!

Obrigada por ter postado Flavinha! <3 <3 <3

Postado 24/10/20 23:35

AAAAAH! E eu vou precisar te colocar em um potinho.

Muito obrigada! <3

Postado 09/06/21 02:47

Nossa que cena!!!

Gostei do texto, dos diálogos, obrigado.

Postado 09/06/21 19:27

Muito borigada. :)

Postado 18/11/21 20:15

Eu tive que vir ver pessoalmente essa história do celular e, caramba, fui super surpreendido. Primeiro que o texto parecia ter um tom e do nada mudou, aí veio esse final KKKKKKKKKKKKKKKKK

Congrats, Flávia!

Postado 20/11/21 22:49

Esse lance do Blake não ter celular já causou tanto problema que, no dia que a Tortura engravidar, a primeira coisa que a Imperatriz vai fazer vai ser comprar um celular para a criança! kkkkkkkk

Muito obrigada! <3