A Sociedade
oFadadoNathan
Tipo: Conto ou Crônica
Postado: 14/01/19 22:50
Editado: 15/01/19 01:28
Gênero(s): Crítica Drama Reflexivo
Avaliação: Não avaliado
Tempo de Leitura: 1min a 2min
Apreciadores: 2
Comentários: 2
Total de Visualizações: 183
Usuários que Visualizaram: 5
Palavras: 248
[Texto Divulgado] "Sem história " Esse é um conto bem ao contrário e entendedores entenderão as entrelinhas dele
Livre para todos os públicos
Notas de Cabeçalho

Uma breve visão pessimista sobre a Academia de Contos.

Capítulo Único A Sociedade

Não se sabe dizer nem existem registros, ainda nos textos mais antigos, de quem teve aquela ideia.

Primeiro Ele criou o espaço, onde tudo o que logo se procederia foi possível.

Depois Ele criou a sociedade e a colocou no espaço, onde ela se povoaria.

Em pouco tempo no espaço, a sociedade se tornou inteligente, e vendo isso, Ele criou a comunicação e permitiu todas as pessoas a se comunicarem.

Depois da comunicação, Ele lhe deu a criativade, e combinando as duas coisas, a socieade desenvolveu suas proprias filosofias, ciências e principalmente histórias.

Cada vez mais inteligentes, Ele os presenteou com a influência, e a partir dali a socieade se tornou um animal influente e cooperativo, evoluindo reciprocamente consigo mesmo, debatendo sobre o que liam, refletindo sobre as histórias uns dos outros, criando opniões em cima de outras e desenvolvendo uma rede incessante de cultura e ideias mútuas que a fez evoluir e prosperar por muito tempo.

A última criação Dele foi o tempo, e foi ela que terminou com todas as outras. O tempo reduziu a sociedade a poucos, e os que sobraram ficaram muito afetados por ele, que os fez perder de vez a criatividade que lhes tinha sido dada há muito tempo. Sem ela, as ideias se esgotaram, e sem novas ideias para se inspirar, a sociedade parou de vez, o que fez a influência morrer, e logo a socieadade também, sobrando no espaço todas as suas histórias, a única coisa que sobreviverá ao tempo.

❖❖❖
Notas de Rodapé

Um sinal de vida?

Apreciadores (2)
Comentários (2)
Comentário Favorito
Postado 16/01/19 19:39

OPORRA, que obra intensa e significativa. A melhor coisa é observar a maneira que você encaixa essa visão dentro da escrita! Sério, é incrível!

Meus parabéns ♥

Postado 16/01/19 23:17

Admiro muito a sua força de vontade de nunca perder a chance de comentar em textos novos da academia, queria ter mais palavras pra te agradecer, sério, você dá vida a esse site.

Acho que você sabe o que está se passando no texto, e espero mesmo que vc tenha entendido a mensagem que quis passar. Obrigado!

Postado 11/06/19 20:22

Meu amigo academico, essa foi uma das obras mais contextualizadas e interessantes que ja li. Uma critica construtiva sem ofensas e rica, com um vocabulário impecável